1642

A vida pulsa em todas as dimensões invisíveis a todos os vossos sentidos materiais

19/10/2009



Irmãs,

Ao compilar a Doutrina dos Espíritos, doei a minha vida para execução da missão, programada muito antes do que eu suspeitava, com o objetivo de dar um impulso renovador a humanidade terrena.

Não obstante, tendo renegado o Divino Mensageiro crucificando-O, impiedosamente, uma nova nesga de esperança brilhou nos corações dos Seres Superiores, de que a humanidade despertaria ao ouvir as vozes dos entes queridos que partiram da terra, do seu convívio...

Porém, como a obra de Deus não descansa nos ombros de um só homem, outros viriam que deveriam dar prosseguimento a suas tarefas, que haveriam de fortalecer a preciosa mensagem do plano invisível. Contudo, apesar do momento psicológico propício para a humanidade receber as vozes dos espíritos, os irmãos de humanidade, no uso do seu livre arbítrio, mais uma vez equivocados nas suas escolhas, mantiveram-se arraigados as mentiras seculares das igrejas sectaristas, pois ouvir as vozes dos espíritos, acreditar em suas palavras, demanda ação renovadora e ação benfeitora em direção ao próximo e à prática inolvidável das Lições do Evangelho de Jesus.

Ao descerrar as cortinas do ciclo planetário de expiação e provas vê-se que a humanidade não aproveitou as extraordinárias lições que os "céus" lhes enviou para sua própria ascensão espiritual.

O trabalho das Hostes do Bem, para o despertamento das consciências dos irmãos terrenos é dinâmico e ininterrupto; porém, nesta fase de separação de joio e trigo, o conhecimento vulgarizado da vida além da matéria é de somenos importância, pois as criaturas de "final de ciclo planetário" estão mergulhadas na lama ignóbil dos crimes e devem ser socorridas e amparadas, para despertarem para as noções rudimentares da vida.

Irmãos, a vida pulsa em todas as dimensões invisíveis aos vossos sentidos materiais; retirai os sentimentos degradantes de vossas almas e deixai brilhar a luz da renovação através do amor ao próximo. Lançai-vos à prática do Evangelho de Jesus para alçardes as portas da Regeneração.

Nascer, crescer, morrer, renascer uma vez mais, tal é a Lei que ninguém poderá abster-se, seja nos Mundos de Expiação e Provas, seja nos Mundos de Regeneração.

Salve Jesus, o Divino Mensageiro que a todos conduz.

Allan Kardec

GESJ – 06/10/2009 – Reunião Pública – Vitória, ES – Brasil




RETORNAR ÀS MENSAGENS E DIVULGAÇÕES
ENTRE EM CONTATO CONOSCO AGORA MESMO!
Todos os direitos reservados ao Grupo Espírita Servos de Jesus | 2017
FBrandão Agência Web