2582

Um período de grandes mudanças

17/07/2012



Irmãs, que a Luz do Mestre Jesus nos fortaleça no bendito trabalho de ajuda ao próximo.

A todos que seguem, admiram e buscam os Ensinamentos Espíritas, informamos que vivemos em nossa "seara", um período de grandes mudanças, que vem definindo quem busca realmente os ensinamentos, e aqueles que simplesmente aparentam acreditar, porém a semente da descrença cria raízes no seu íntimo.

Irmãos, digo-lhes, essas palavras, pois vemos que alguns dos que se dizem "seguidores da Doutrina Espírita", criarem "segmentos dentro da seara" que veio para ser única, com base e estudos trazidos por Mensageiros de grande capacidade.

As criaturas rendem-se as pressões sociais, e o medo impõe barreiras e limites a sua capacidade de captar e entender os ensinamentos que trazem os Irmãos das Estrelas e os Intraterrenos.

Os irmãos espíritas não podem prender-se a uma época, ou ao século da Codificação da Doutrina, pois se muda o tempo, modifica-se também o homem.

Há, atualmente, uma defasagem no que se prega nas Casas Espíritas ditas ortodoxas, as que não admitem novos ensinamentos que trazem os irmãos espirituais através das ___mensagens nas Casas Espíritas que não calam e nem se intimidam, em trazer e divulgar as palavras dos irmãos que participam da história dessa humanidade, dos "Seres" do interior da Terra e de outros planetas.

Trabalhamos na vinda e na recepção aos irmãos recém desencarnados; e é notável a completa desinformação com que chegam os espíritos que se dominam espíritas.

Percebe-se a paralisia mental, e por vezes, o preconceito cuidadosamente guardado quando no plano físico, ao verem-se recebido no astral carinhosamente por um índio, ou um caboclo, e o espanto, ainda maior ao estar frente a frente com Seres de outros planetas e do interior da Terra.

Assumimos nossa responsabilidade ao ver que as nossas palavras, bem como as normas de trabalho que nós os ensinamos enquanto estavam vivos na matéria, são ainda seguidas fielmente, não havendo avanços. Ver também que o caminho que seguem, dificulta-nos a aproximação.

Tomamos então a liberdade de sairmos do nosso Núcleo, do meio em que convivemos em vida física e após o desencarne. Buscamos outras paragens, para que nossas palavras chegassem a quem interesse saber, que somos livres para pensar, agir e falar; e que, no intuito de aprender, não devemos nos prender ao julgamento de outrem, mas a nossa consciência que, se firme nos propósitos nobres de aprendizagem, devem segui-la sem pré julgamentos, pois buscando, encontrarão o que o amigo Lionês nos disse: "busquem, porque a doutrina dos espíritos é uma obra sem fim"; e eu digo: há sempre mais a se descobrir.

Que Deus ilumine a todos.

Paz do Mestre Jesus.

Eurípedes Barsanulfo

GESH – 15/06/2012 – Vitória, ES – Brasil

Nota – Eurípedes Barsanulfo, nascido em 1º de maio de 1880, na pequena cidade de Sacramento, Estado de Minas Gerais, e desencarnado na mesma cidade, aos 38 anos de idade, em 1º de novembro de 1918.

Através de informações prestadas por um dos seus tios, tomou conhecimento da existência dos fenômenos espíritas e das obras da Codificação Kardequiana. Diante dos fatos voltou totalmente suas atividades para a nova Doutrina, pesquisando por todos os meios e maneiras, até desfazer totalmente suas dúvidas.

Como médium, desenvolveu suas faculdades mediúnicas e seguiu rigorosamente os ensinamentos da Doutrina Espírita.

Curou gratuitamente milhares de pessoas e foi processado por prática ilegal da medicina.




RETORNAR ÀS MENSAGENS E DIVULGAÇÕES
ENTRE EM CONTATO CONOSCO AGORA MESMO!
Todos os direitos reservados ao Grupo Espírita Servos de Jesus | 2017
FBrandão Agência Web