3792

A transformação íntima se faz urgente

13/09/2018



Que a Luz divina do Mestre sustente a todos!

Essa humanidade é carente de Luz, paz e harmonia. Dedicou-se aos bens materiais, semeou violência, revolta e mágoa. É chegada a hora da colheita dolorosa nesse final de ciclo.

A Terra sofre e a humanidade também sofre.

Nas paragens de dor, nos vales mais sombrios, encontrareis o verdadeiro sentido do ódio que não ouve a palavra amiga, que não ouve os cantos celestes, que não sente a Luz irradiante e acolhedora do Mestre Jesus. Porém, eles tiveram a oportunidade de aplicar em si mesmos as palavras do Mestre, mas, cegos e surdos, o rejeitaram.

Humanidade terrena! Vós que ouvis as nossas vozes, que ainda sentis na batida do coração o pulsar do amor e que nos momentos de reflexão vos arrependeis dos maus atos, modificai, o quanto antes, a maneira de viver. Transformai-vos, enquanto ainda estiverdes na matéria. Não espereis chegar à Pátria Espiritual com as vestes rotas, com os semblantes tristes, pela missão falida, para ali vos reerguerdes.

Aproveitai, enquanto ainda estiverdes na matéria, e modificai a maneira de ser, de pensar e de agir, pois não conseguireis, em um passe de mágica, ou com a facilidade que imaginais, vossa transformação, quando passardes para o plano espiritual, porque a carga de sentimentos que acumulais se fará muito mais pesada.

Se sois belicosos agora, aos poucos, transformai-vos para um comportamento de paz; se acumulais mágoas e não sabeis perdoar, aplicai no dia a dia o exercício sublime do perdão, porque se aqui não perdoardes, não suponhais que no mundo astral perdoareis de súbito; se sois viciosos, maledicentes, maliciosos, mudai o quanto antes essa forma de pensar e de agir, pesada, negativa, porque tudo o que sois na matéria, carregareis convosco para o mundo dos espíritos, como um fardo pesado e de difícil desvencilhamento.

As Paragens Celestes não suportam essa baixa vibração, e a Terra, que possui no seu curso progressivo essa expectativa que todos nós aguardamos de vê-la radiosa, maviosa, leve, suave, também não suportará por muito tempo mais carregar em seu íntimo tanta iniquidade, tanta dor, tanta perversão.

Aos poucos, o tempo vai se findando e os homens não percebem como é urgente a necessidade da reforma íntima, como é urgente a transformação para sua própria ventura espiritual.

Acham que sempre dará tempo para mais um momento de prazer, antes de se evangelizarem.

Não sabemos do tempo, pois este pertence somente ao Pai. Entretanto se o tivésseis em vossas mãos, faríeis mal uso dele, como tendes feito até agora.

Se o fardo é pesado, saibais que seu peso está menor do que poderia ser, porque o coração bondoso do Mestre Jesus retira de vosso cesto as cargas mais pesadas que não conseguiríeis carregar. E é por isso que ainda estais de pé, humanidade terrena, porque a Luz do Mestre alivia vosso fardo para que não sucumbais ao solo.

Que a Luz do Mestre esteja entre todos nós.

 

Israel

Extraterrestre integrante da GFBU (Grande Fraternidade Branca Universal)

GESH – 15/06/2018 – Vitória, ES – Brasil




RETORNAR ÀS MENSAGENS E DIVULGAÇÕES
ENTRE EM CONTATO CONOSCO AGORA MESMO!
Todos os direitos reservados ao Grupo Espírita Servos de Jesus | 2017
FBrandão Agência Web