857

O apelo materialista e os desregramentos de final de tempos

10/10/2006

      A+ A-


Os clamores da matéria são intensos e não poderia ser diferente para os encarnados que permanecem na dimensão material.

Mas, é do conhecimento desta humanidade a existência de outra dimensão, além da matéria, onde habitam os espíritos, seres que um dia foram também encarnados e que poderão vir a ser novamente, portanto, não justificando o materialismo ferrenho a que se entregam.

Os trabalhadores espíritas, da Seara de Jesus, em especial os médiuns, devem treinar suas mentes e emoções para não se deixarem contaminar pela onda materialista. Principalmente os "iniciados", devem se esforçar para manterem-se na matéria numa vida simples e sem pretensões de riquezas extemporâneas.

O apelo materialista e os desregramentos de "final de tempos" exerce intensa pressão sobre as criaturas encarnadas e somente não se deixarão levar pela onda gigantesca e negra, aqueles que a sobrepujarem com a sua vontade, desejo e esforço no trabalho árduo para progredir.

Cada um deve cumprir aquilo que lhe determina a Lei do Carma e esforçar-se para manter-se em nível vibratório superior, que lhe garanta ascese espiritual.

A Lei de Deus não agracia ninguém e cada criatura deve responder de acordo com sua ação.

Discípulos amados, seguis confiantes, pois estamos convosco e assim permaneceremos, com amor.

Paz convosco.

Shama Hare

GESH – 29/09/06 – Vitória, ES – Brasil




RETORNAR ÀS MENSAGENS E DIVULGAÇÕES
ENTRE EM CONTATO CONOSCO AGORA MESMO!
Todos os direitos reservados ao Grupo Espírita Servos de Jesus | 2017
FBrandão Agência Web