74

Divulgação 74

14/08/2017



Índice

- Apresentação

- Mensagens diversas

1) ANDAM E CONVIVEM COM OS ENCARNADOS - Rochester

2) ACHAVAM QUE ERAM IMORTAIS NA MATÉRIA- Instrutor Tarcílio

3) MENTE LIMPA, FÉ NO ALTO, CUIDADO COM AS PALAVRAS - Tarcílio

4) NADA TOCA OS CORAÇÕES ENDURECIDOS – Faxineiros do Astral

5) AMEI A VIDA RESPEITANDO A MATÉRIA QUE OS ABRIGA – Irmã Scheila

6) A PRÁTICA DO VAMPIRISMO – Lord Dark

7) OLHOS ESPREITAM O SEU PROCEDER – Lord Dark

8) COM DEUS NO CORAÇÃO, SIGO EM FRENTE – Álvares de Azevedo

9) QUEM COM FERRO FERE.... – Comando Reptiliano

10) DESIGNADOS PELA BESTA - Tarcílio

11) ATAQUE DAS TREVAS – Shama Hare

12) FICAI ALERTAS! - Rochester

13) CATEGORIAS DE VAMPIROS – Conde Rochester

14) ONDE HÁ LUZ, ANULA-SE A ESCURIDÃO - Rochester

,15) GRAÇAS A DEUS, HOJE NÃO SOFRO MAIS. – Lord Vladimir

16) ORAÇÃO DE CHICO PELA HUMANIDADE – Chico Xavier

 

Mensagens recebidas pelas médiuns: Edilza, Gisele e Penny

 

APRESENTAÇÃO

 

“Eis que venho em tarefa auxiliar-vos a compreender e aceitar “esses” que representam desvios da Criação Divina”.

Conde Rochester,

 08/12/2000

 

Os vampiros existem.  Podem ser de “carne e osso” e também podem ser habitantes do plano astral, atuando tanto neste quanto no plano físico (Leiam Romance de Uma Rainha, Vol. I e II de Rochester).

Na Europa, em casos datados e documentados a partir do Sec. XVIII, quando começavam a ocorrer mortes estranhas em uma comunidade, geralmente de jovens mulheres, causadas por doenças desconhecidas que levavam à inanição, buscava-se entre os mortos recentemente enterrados, cova a cova, um ou mais que ainda apresentassem um aspecto saudável. Quando o encontravam, “novamente o matavam” com uma estaca no coração, cortavam a cabeça e depois o queimavam, depositando as cinzas no túmulo...

Trataremos, nessa divulgação que inicia nosso ano de trabalho, desses seres que, por vício e por maldade, sugam as energias de pessoas ou de coletividades através do sangue ou do fluido vital. Eles estão nas estradas, nas zonas de conflito, nos hospitais, nas cadeias. Eles estão nos rituais macabros onde há sacrifícios, principalmente de seres humanos. Eles provocam ou esperam por brigas e acidentes, aguardando para atacar. Eles estão apenas querendo uma energia efêmera que sai do fluido vital de muitos seres, mas preferem a que é liberada pelo sangue humano, especialmente em momentos de pânico.

Para os vampiros, a vida é alimento. O medo é alimento. E quanto mais em tenra idade e quanto mais apavorada a vítima estiver, mais energia e mais prazer eles terão ao se alimentar. Nessa passagem para a Terra de Regeneração, eles serão todos exilados, saindo do seio do planeta diretamente para mundos estéreis. Enquanto não chega a hora, a eles é permitido atuar no plano físico, auxiliando, de modo indireto, a espiritualidade a separar o joio do trigo.

As mensagens que virão esclarecerão o que foi dito.

Estejam atentos!

Orai e vigiai.

….........................................................................................................................................................

 

1) ANDAM E CONVIVEM COM OS ENCARNADOS

 

Irmãs, salve a paz do Mestre Jesus!

Quando a irmã Margarida começou a formular a ideia de descrever o “universo dos Vampiros”, foi posto em prática um projeto de estudo, de mais de um ano, em que foram realizados ajustes, com a possibilidade de colocarem-se no papel as tristes histórias destes infelizes e ridicularizados seres das sombras.

Reunir grupos dessa natureza, dispostos a falarem sobre suas vidas, contarem suas trajetórias e o que os levaram a se tornarem vampiros, não foi uma tarefa fácil.

No entanto, a “força maior anula a menor”. Se o Pai assim permitiu e os Dirigentes da Cidade Servos de Jesus também deram sua aprovação, fomos buscar aqueles que já conseguiam ter um raciocínio coerente e fossem facilmente comandados pelos “sentinelas da Luz”, para virem aqui e relatarem sobre o vampirismo e seu mundo.

Para esses irmãos, só o fato de estarem nesse ambiente e saberem que através das suas histórias poderão salvar vidas, interromper tragédias, motiva-os ainda mais, vindo como acréscimo de misericórdia do Pai para o início de suas transformações e, por fim, para a recuperação das mentes e dos espíritos doentes.

Irmãos, não há como poupar os fatos macabros, tristes e violentos de alguns depoimentos verdadeiros e fidedignos, como serão apresentados durante as narrativas.

É necessário esse realismo para que se retire das mentes das pessoas a falsa concepção de que os vampiros são bons e belos, fato tão comentado hoje em dia.

Atentem para os detalhes, estudem e analisem: um ser que decai moralmente e é espírito viciado em sangue, poderia, de alguma maneira, inspirar bondade, solidariedade e amizade?

Cuidado, irmãos! Esses seres não atuaram somente no início do século passado, como contam as histórias e, muito menos, estão distantes, em outros mundos. Embora pareça ficção, eles estão mais atuais e presentes do que pensam.

Andam e convivem entre os encarnados, alimentam-se dos feridos, dos mortos e dos doentes, sugando suas energias vitais. Em alguns casos, levando sua vítima a óbito, sem que a equipe médica entenda como isso ocorreu.

Há vários fatores que facilitam a aproximação e atuação desses seres: a incredulidade, o fato de o assunto ser tratado como diversão e, por fim, a falta de religiosidade verdadeira entre as pessoas, a falta de fé nos corações e nas ações. A fé em Deus, sem misticismos, dogmas ou intercessores, serve como forte barreira na ação desses irmãos infelizes. Sem esquecer a desinformação do que ocorre no “mundo invisível”. Esta parte cabe ao Espiritismo explicar, em todos os segmentos. Esclarecer aos seus adeptos e simpatizantes dos horrendos crimes praticados com a participação desses seres.

Felizmente, esta Casa cumpre com o seu papel informativo, desbravando o que ocorre no mundo oculto que poucos sabem ou tomam conhecimento, seja por medo de perseguição, seja por ignorância do intercâmbio entre vivos e mortos.

Nós, amigos e Instrutores Espirituais, não abandonaremos a tarefa, pois o Mestre Jesus e o Mestre Ramatis são por nós.

Paz em seus corações.

Rochester

20/09/2013

….........................................................................................................................................................

 

2) ACHAVAM QUE ERAM IMORTAIS NA MATÉRIA

 

Irmãs, as dores aumentam e, a cada dia, abrimos mais frentes de trabalho, pois se precipitam catástrofes em cadeia e, desse modo, grande número de desencarnes acontece, como se vê nos noticiários.

Construímos enfermarias, buscamos mais colaboradores, como enfermeiros, médicos, auxiliares e psicólogos e, mesmo assim, a demanda de trabalhadores ainda é grande.

Convidamos os que já se encontram preparados para que, ao dormirem, coloquem-se à disposição do trabalho de ajuda e, sendo permitido pelos Instrutores Espirituais, participem nas operações de resgate às vítimas das tragédias que ocorrem, não só em vosso país, mas em todo globo terrestre.

A ajuda amiga e paciente faz-se imprescindível, pois o descontrole nos locais dos desastres é muito grande.

Vemos irmãos dementados, em total desequilíbrio, por não haverem se preparado devidamente para a morte. Achavam que eram imortais na matéria e não no espírito.

É triste e preocupante ver tanta falta de conhecimento, visto que a literatura, as revelações e os informes estão abertos a todos, e que o preconceito e o medo não lhes deixam buscar esses ensinamentos. Quando se rompem os laços do períspirito, veem-se totalmente surpresos com o que encontram, recusando, assim, a mão amiga estendida, a palavra confortadora; outros fogem dos trabalhadores da Luz, perturbando o trabalho que, por si só, já é tão difícil.

Além da desinformação, lidamos com os inimigos desses irmãos, recém-chegados ao mundo espiritual, que os espreitam e esperam seu desenlace. Também estão presentes os sugadores de energia (os vampiros) e os trabalhadores das Trevas, em busca de mais escravos para alimentarem os seus exércitos.

Portanto, amigos, filiem-se às Hostes da Luz, prontifiquem-se para o trabalho, preparem-se para ele e assim muito será feito pelo próximo necessitado de ajuda nessa hora tão atribulada.

Paz de Deus a todos

Instrutor Tarcílio

05/12/2008

….........................................................................................................................................................

 

3) MENTE LIMPA, FÉ NO ALTO, CUIDADO COM AS PALAVRAS

 

Vidência: Vi seres, à noite, saírem dos bueiros e dos buracos existentes nas ruas. Saíam, arrastando-se. Não possuíam expressão no rosto, cabelos ou pelos no corpo. Suas peles eram totalmente lisas e muito brancas (pareciam albinos).

Na superfície, andavam como zumbis e eram guiados por uma mente poderosa.

Nas ruas, quando viam pessoas totalmente envolvidas com energias negativas, aproximavam-se e, praticamente, colavam-se a elas, imitando-lhes tudo, inclusive os gestos e os passos. Segue a mensagem:

 

Irmãos! Esses seres que ora sobem à superfície se escondem debaixo da terra, longe da luz e de qualquer contato com os homens da superfície. Estavam hibernando, dominados por um sono hipnótico induzido pela Besta e pelas energias negativas abundantes produzidas pelos homens através de seus atos, de seus pensamentos e de suas palavras. Os Técnicos das Sombras fizeram um trabalho minucioso de captação dessas energias e utilizam-nas para despertar esses irmãos que foram mostrados. Eles são altamente perigosos e estão sob total controle da Besta, como robôs que agem por comando mental, para concretizar na Terra os atos mais degradantes e de extrema violência entre os homens.

Vós, irmãos, deveis estar munidos das ferramentas do bom Servo da Luz: mente limpa, fé no Alto, comedimento nas palavras dirigidas ao próximo, até mesmo as de aparente insatisfação por um motivo corriqueiro. Não deveis chegar aos extremos do ódio, revolta, medo e tristeza profunda.

Os seres que estão subindo, nesse momento e em todo o globo, são muito sensíveis às emanações deletérias emitidas pelos humanos, pois foram programados para esse fim. Eles conseguem captar essas energias negativas a quilômetros de distância e suas movimentações se dão em grande velocidade. Estão subindo através das frestas e dos buracos. Andam nas ruas à noite, por enquanto, até adquirirem uma proteção contra a luz, o que se dará em pouco tempo. Estão, aos poucos, moldando seus corpos aos corpos humanos que já vibram com eles, alimentando-se dessa energia. Uma pessoa menos preparada pode ser levada à morte com sua união a um desses seres, porque, nesses casos, eles sugam toda a sua energia, por agirem sem controle.

Portanto, esta é mais uma arma das trevas contra o mundo, que já está caótico pelas próprias ações. A cada dia, o homem terá que lutar contra as feras que tentam barrar a Luz, pois elas estão mais preparadas e mais ferozes.

A espiritualidade amiga protege e orienta os irmãos até onde lhes é permitido, mas os seres que habitam este planeta devem estar preparados para as investidas desesperadas dos que possuem o intuito de dominar.

Por vós, eu vos peço lucidez e amor. Irmãos, trazei em vossas mentes o nome do Mestre Jesus como um escudo espiritual.

Que a Luz Divina esteja sobre todos.

Tarcílio

06/02/2009

….........................................................................................................................................................

 

4) NADA TOCA OS CORAÇÕES ENDURECIDOS

 

Vidência: Eu me encontrava em uma sala. Um instrutor que estava ao meu lado pediu-me que olhasse para uma tela ali existente. Comecei a ver, então, várias catástrofes que já haviam ocorrido, como terremotos, enchentes, tsunamis e acidentes de avião. Ao fixar o olhar nas imagens que me eram mostradas, passei a perceber que, perto das pessoas mortas, havia vários pontos pretos e eles se mexiam! A imagem foi se aproximando, até que pude ver que os pontos eram vampiros que cobriam os corpos e sugavam as energias dos acidentados que se debatiam.

A aparência dos seres negativos era horrível: eram baixos, tinham a pele esticada e azulada, com veias pretas, a boca muito grande e andavam encurvados. Não vi o os olhos; acho que não os possuíam.

 

Viagem Astral:

Caminhava por um corredor enorme, todo branco, e com várias portas. Cada uma delas possuía um quadrado de vidro na altura dos olhos, parecendo um sanatório de filmes. Ouvi muitos gritos.

O instrutor que me acompanhava pediu que me aproximasse de uma das portas e, através do vidro, vi que lá havia um vampiro que se debatia. Uma Luz azul era acesa de vez em quando, muito rapidamente, iluminando o ambiente. O ser não falava, apenas fazia um barulho bem agudo, parecia sentir muita dor.

Em outro corredor, através das portas, vi outros vampiros, já mais calmos e com um início de melhora. A Luz azul ficava mais tempo acesa.

No próximo corredor, por fim, havia alguns espíritos menos deformados e, com eles, dentro dos quartos, trabalhadores da Luz rezavam, liam em voz alta e davam passes. Nesse quarto, a Luz azul ficava acesa permanentemente.

Percebi que na doutrina dos Inimigos da Luz([1]), o conteúdo era transmitido para esses seres, junto com a prece. Tudo fazia parte do tratamento.

 Em seguida, veio à mensagem:

 

Irmãos, salve a Luz do Divino Mestre Jesus.

Multiplicam-se, cada vez mais, as dores no mundo e, por mais avisos que mandemos e amor que transmitamos através das mensagens encaminhadas, vemos o quão indiferente os homens se tornaram, pois nada toca os corações endurecidos dos habitantes deste planeta.

O que vos mostramos é uma pequena amostra do muito que ocorre no plano astral.

As dores e os sofrimentos dos irmãos desencarnados atingem proporções elevadas, quando se lembram do que poderiam ter feito e não fizeram, do que poderiam ter mudado e não mudaram.

Hordas de seres infelizes, bestiais, atacam os que desprezaram os avisos do Mestre e sugam as energias nos locais onde elas são mais fartas: nos acidentes, nas chacinas, nos bombardeios e nos presídios, por exemplo. E nós, como trabalhadores experientes nesse tipo de ajuda, recolhemos os vampiros e os levamos para a devida preparação para o exílio planetário.

É longo e minucioso o tratamento a eles destinado, como filhos de Deus, e realizado com respeito e amor. Amigos e parentes de outros planetas, voluntariamente, vêm e doam sua cota de energia na preparação.

Irmãos, vocês também podem doar amor e energia. Basta sintonizarem o Mestre Amado e, assim, com bons sentimentos e fé, a equipe receberá sua boa energia.

Paz e Luz a todos

Faxineiros do Astral

13/10/2009

….........................................................................................................................................................

 

5) AMEI A VIDA RESPEITANDO A MATÉRIA QUE OS ABRIGA

 

Viagem Astral:

Ao me concentrar, fui levada para uma festa Rave[2] e, lá, vi muito seres deformados, grudados nos rapazes e moças que dançavam alucinadamente. Sugavam seus pescoços, peitos, lutando entre eles, na disputa por um corpo para se alimentarem da energia. Quando isso acontecia, via o drogado tendo convulsões no chão, gritando. Alguns saíam desvairados, nus, tentando se esconder, falando em perseguição, em monstros querendo matá-los. Mas eu via que isso já era natural para aquela multidão de jovens.

Quando fui levada para o astral, vi os que ainda estavam encarnados, mas em coma, ou no sono letárgico da droga, ainda serem brutalmente violentados. Vi seus perispíritos deformados com diversos seres grudados a eles e com seus dentes afiados em seus pescoços.

Os irmãos da Luz ajudavam, de acordo com o que lhes era permitido. Vi muitos trabalhadores no local da festa e no Vale dos Drogados para onde os infelizes eram levados pelos vampiros.

 

Salve a Luz do Mestre Jesus!

Irmãos, as fronteiras que separam o mundo físico do mundo espiritual são muito tênues e as dores superlativas não cessam com a morte.

Alguns jovens chegam até nós, ainda em tenra idade, com um grau de deformidade perispiritual doloroso de se ver, quando pensamos naquela breve vida na Terra.

As desintoxicações nas Colônias são todas carregadas de histórias tristes, devido a falência das mentes que ainda possuíam um longo tempo de aprendizagem na matéria.

Ao desencarnarem, os dependentes trazem consigo seus algozes acoplados ao seu corpo astral e, como estabeleceram uma simbiose, a separação leva algum tempo, aplicação de uma técnica apurada, aliada ao amor e a uma grande dose de paciência. A recuperação é muito lenta, na preparação desses corpos antes de irem para o exílio, onde reiniciarão uma nova prova na qual faliram.

Infelizmente vemos o descaso com o qual é tratada a vida. Presenciamos o desespero em suas telas mentais ao virem a ruína da “prova pedida”, após terem implorado tanto um corpo físico.

Aos que, por curiosidade, ingressam nessa área, um alerta: para o jovem encarnado pode parecer uma aventura na matéria, mas torna-se um pesadelo horrível para o espírito imortal.

Tende fé no Criador, amai a vida e respeitai a matéria que vos abriga. E se, mesmo assim, não fordes plenamente felizes no mundo em que viveis, tende certeza que estareis livres das dores cruciantes que sofrem as mentes perturbadas.

Paz e Luz.

Irmã Scheila

02/02/2010

….........................................................................................................................................................

 

6) A PRÁTICA DO VAMPIRISMO

 

Irmãos, em triste situação encontram-se os amigos que nos acompanhavam nos tempos de rebeldia e ódio contra o Criador.

Para ajudar os companheiros do passado, ainda uso o pseudônimo do qual era conhecido: Lord Dark. E, com uma equipe de voluntários abnegados, retornamos às cidades onde morávamos, para resgatar os infelizes que continuam teimando na prática do vampirismo. O nosso trabalho teria que ser realizado por várias equipes, mas desdobramo-nos para atender ao grande número de vampiros que estão vindo para a superfície.

Conseguimos trabalhar com um grupo, resgatando esses irmãos em hospitais, presídios, zonas conflituosas e até em igrejas, em qualquer lugar onde houver aglomeração de pessoas que dão vazão ao medo, ao ódio e à revolta, oferecendo alimento farto para vampiros.

Sem ter para onde mandar os amigos vampiros, nós os encaminhamos para essa Casa de Socorro. Após um tratamento específico, nós os encaminharemos para o exílio.

Paz nos corações que, de boa vontade, ajudam sem perguntar a quem.

Paz em Cristo

Lord Dark (Um ex-vampiro que agora trabalha com as forças da Luz)

03/05/2010

….........................................................................................................................................................

 

7) OLHOS ESPREITAM O SEU PROCEDER

 

Vidência:

Durante a mensagem, vi passagens de várias encarnações desse espírito. Vi-o como nobre, há muito tempo, encarnado em uma época que não pude determinar. Praticava magia no seu castelo e trajava botas, calça preta, blusa vermelha e capa preta até os pés. Após o seu desencarne, vi-o como vampiro, com muitos seguidores.

Agora, vejo-o com trajes idênticos, porém brancos, trabalhando no resgate de vampiros no astral.

Vejo-o em ação. Ele se aproxima de um vampiro, fala alguma coisa em seu ouvido e, logo após, o ser adormece e é recolhido para uma nave.

Perguntei ao espírito quando ele deixou de ser vampiro e ele me mostrou, como em um filme: Vi Jesus no abismo. Sua Luz era tão forte que queimava os seres ali presentes, que se afastavam correndo. Em um determinado momento, Jesus estendeu as mãos e ofereceu ajuda aos que ali estavam. Vi Lord Dark, levantando-se e seguindo Jesus.

 

Salve a Luz!

Hoje estou trabalhando com os amigos da Luz. Percorremos os antros, hospitais, aglomerações e festas, atuando na captura dos antigos comparsas da prática da magia e do vampirismo.

Os encarnados tolamente acreditam serem senhores de suas vontades, mal percebendo como são sutilmente manipulados e levados a satisfazerem os chamados mortos-vivos, que ainda são tão reais como nos séculos passados.

As vítimas escolhidas são geralmente antigos companheiros que, quando encontrados, são cobrados. Alguns pagam com a servidão e outros são obsedados, em função de situações não resolvidas no passado. Aos encarnados, podemos dizer somente que, nós, os ditos “caçadores”, somente somos autorizados a intervir quando a vítima já apresenta sinais de mudanças positivas em suas atitudes e com o aval dos Guias e Mentores.

Os ex-vampiros não são considerados os salvadores da humanidade, mas tão devedores dela quanto os vampiros. Por gratidão aos que nos ajudaram, também estendemos a mão a outros, usando os conhecimentos adquiridos em magia e vampirismo para libertar irmãos ainda presos a esse vício.

Amigos, alertai nas ruas, nas igrejas, nos hospitais, nas estradas, onde quer que estejais, para que os homens tenham pensamento reto, ações que reflitam moral superior e coração apaziguado, pois mesmo sem querer assustar-vos, informamos que olhos espreitam o vosso proceder e procuram a oportunidade para atacar-vos. São feras que convivem com os seres encarnados e das quais deveis saber como vos proteger.

Recolhemos, do astral, aqueles que nos são permitidos, mas compete a vós erguer a barreira a ser imposta para vossa proteção.

Estamos, com a Luz, atuando.

Paz a todos.

Lord Dark

 20/08/2010

….........................................................................................................................................................

 

8) COM DEUS NO CORAÇÃO, SIGO EM FRENTE

 

Buscai a paz no Mestre Jesus.

Irmãos, implorei aos Instrutores por mais uma oportunidade de comunicação, porque meu espírito necessita de paz para reabilitar-se diante dos inúmeros jovens que influenciei e que ainda influencio com as letras dos meus poemas.

Pudesse minha voz chegar a todos os que lêem os meus escritos, eu diria: mudai de livro, queimai o que escrevi, porque a carga de amargura e a energia fúnebre que essas palavras possuem deprimirão vossos espíritos.

Eu, em tenra mocidade ao cultivar a morte, procurei os meus afins; compreendo, agora, que busquei no plano astral os que pensavam como eu. As minhas constantes companhias eram os espíritos de suicidas, os vampiros e os depressivos. Ao desencarnar, eles foram me receber no cemitério onde eu praticava atos vis.

Graças a Deus, encontro-me reabilitado e em condição de socorrer jovens que buscam o mórbido. Procuro, com grande esforço, trazê-los para as leituras edificantes, confortadoras e otimistas; tento afastar as ideias de suicídio a que certamente serão conduzidos, se continuarem na linha de pensamentos depressivos, haja vista o aumento do número de suicídios juvenis.

Ainda não sou uma estrela brilhante no Universo, mas apenas um pontinho na Seara do Mestre Amado. Luto bravamente contra as várias encarnações satânicas das quais eu já fiz parte.

Com Deus no coração, sigo em frente.

Paz e Luz.

Álvares de Azevedo

08/05/2010

….........................................................................................................................................................

9) QUEM COM FERRO FERE....

 

VIDÊNCIA:

- Vi um rapaz que matou várias crianças em uma escola fazendo parte de um grupo de reptilianos em encarnações passadas.

Durante a vidência, o rapaz que assassinou as crianças parecia incorporado (em transe mediúnico), manipulado por um Reptiliano, quando entrou na escola. Muitos vampiros o rodeavam, acompanhando seus passos. Vi-o também no computador, sendo induzido a pesquisar matérias de interesse dos Reptilianos e a encontrar-se com eles no astral, enquanto dormia.

Vi, muito rapidamente, vidas passadas das crianças. Algumas foram pistoleiras, outras chacinavam aldeias durante as guerras e muitos trabalharam como assassinos de aluguel.

 

Pensam que aqueles que me serviram vão escapar das minhas mãos?

Estaremos na busca implacável dos que nos serviram e fizeram parte do nosso grupo, para nos reunirmos e aumentar o nosso poderio e enfrentar o Ser que vocês denominam Cordeiro.

Estamos buscando os nossos companheiros que hoje possuem corpo de carne, para juntarem-se a nós. Iremos a qualquer parte da Terra e em casas como esta (referindo-se ao Grupo Espírita Servos de Jesus - GESJ), manipulando as mentes para que voltem para o nosso redil.

Não descansaremos enquanto as duas (trabalhadoras do GESJ) que nos pertenceram, saiam deste lugar e nos sirvam como antes.

Aguardem. Verão mais demonstração de nossa força e de nosso poder.

Comando Reptiliano

08/04/2011

….........................................................................................................................................................

10) DESIGNADOS PELA BESTA

 

VIDÊNCIA:

Vi uma construção que, pela sua aparência, lembrava-me um presídio. Dentro dela havia homens e mulheres - muitos magros, abatidos e alguns muito machucados. Todos permaneciam em silêncio, olhando para o chão, e seguiam em fila.

Paravam e um Reptiliano dava-lhes um líquido para beberem. Perguntei ao Instrutor que me acompanhava quem eram aqueles presos e ele me respondeu que aquelas pessoas estavam encarnadas eram homens e mulheres que possuíam, em suas mãos, o poder e a justiça. Seguiu-se a mensagem:

 

Que a paz do Mestre Jesus console os corações dos que hoje sofrem por não compreenderem o simples verbo do amor.

Irmãos, quantos sofrimentos os homens terão que passar para entenderem que aquilo que sofrem hoje, com todas as suas dores e injustiças, é o reflexo daquilo que fizeram em vidas anteriores?

As prisões, tal como são concebidas no mundo físico, são uma pálida visão daquelas existentes no mundo espiritual.

Os presos, carcereiros e diretores estão ali por afinidade de ideias e cada qual na função determinada pelo seu ser supremo: a Besta.

Os presos na prisão do plano astral são os que, no plano físico, trabalham com a lei dos homens, sendo, em sua maioria, políticos e juízes, materializando as ações negativas designadas pela Besta e, por vezes, são encaminhados aos cargos que ocupam.

Os diretores do presídio são os reptilianos que, com suas mentes desenvolvidas para o mal, elaboram as ações a serem cumpridas. Os soldados e carcereiros são os vampiros e as suas formas-pensamentos, que punem, perseguem e torturam quando os seus chefes assim determinam.

O que se concebe na Terra já existe no plano astral e funciona com perfeição.

Foi-vos mostrada uma pequena parte dessa realidade onde não há inocentes, homens e mulheres, que não conheçam as Leis de Deus.

O caminho seguro e certo é cumprir o Código Moral deixado por Jesus e segui-lo.

Paz em vossos corações.

Tarcílio

Instrutor da Cidade Servos de Jesus

03/06/2011

….........................................................................................................................................................

 

11) ATAQUE DAS TREVAS

 

Durante uma reunião do GESH, senti-me mal, com forte queimação na cabeça. Concentramo-nos.

Vi um conhecido líder espiritual das Forças das Trevas (que está encarnado), no plano físico. Apesar de não conhecê-lo – nem por fotografia, nem pessoalmente - sabia que era ele. Vi também uma mulher, mãe de uma pessoa que já frequentou nossa casa espírita, mulher essa que também não conheço (mas que me foi apresentada como tal).

Os dois conversavam e ela parecia estar contratando um trabalho de magia. Ouvi a frase: “Preciso arrancar minha filha de lá”.

Em seguida, vi uma cama alta, feita de pedra e, sobre ela, um menino, de aproximadamente quatro anos, vestido só com um calção e desacordado.

O tal líder das Trevas aproximava-se da cama, segurando um cálice dourado em uma das mãos e, na outra, uma adaga, que fora cravada na jugular da criança.

Quando tirou a adaga, jorrou muito sangue, que ele recolheu no cálice.

Proferiu, então, algumas palavras que não pude ouvir. Elevou a taça e levou-a à boca, sorvendo parte do conteúdo. Lançou o restante do sangue num coxo de madeira que ficava atrás da cama de pedra, espalhando-o, quando, nesse momento, três vampiros no plano espiritual vieram bebê-lo.

Quando acabaram de sugar o sangue do coxo, pararam, como que aguardassem algum comando do mago, que imediatamente os orientou para que nos atacassem. Falava meu nome (nome da médium) e, com voz firme, ordenava que não falhassem. Nessa hora, senti a mesma dor e queimação na cabeça.

Compreendi o perigo e chamei mentalmente por Shama Hare. Então senti sua presença, intuindo meu pensamento e comecei a repetir os nomes: Shama Hare, João Batista, Rampa, Jesus, Ramatis.

Repeti incessantemente os cinco nomes e eles soavam como um mantra, criando um aro de Luz em volta de minha cabeça. O diamante/cristal implantado por Rampa em meu chacra frontal começou a girar rapidamente e de dentro do cérebro surgiu uma forte luz dourada que foi se expandindo até criar uma espécie de capacete dourado em volta de minha cabeça. Imediatamente a queimação passou e fiquei muito tranquila.

Continuei com a vidência: vi a pessoa que frequentava o GESJ, no plano astral, contando para sua mãe tudo o que havia se passado no GESJ. Falava que D. Margarida a havia humilhado e dizia que isso não podia ficar assim.

Depois a vi chegar ao Centro, em corpo físico, trazendo um presente que me entregou.

Shama Hare

03/12/2011

….........................................................................................................................................................

 

12) FICAI ALERTAS!

 

Salve Jesus, salve a paz!

Irmãos, vós que representais um dos núcleos de Luz no plano físico, servis como chamariz, proporcionando, desse modo, a oportunidade de combate e posterior envio ao exílio, das forças de resistência, que, no momento, unem-se para destruir os que representam ameaça ao seu poderio junto a humanidade.

Devido ao aceleramento do tempo ser mais intensamente sentido no plano astral, grupos que disputam território, antagônicos por natureza, unem-se, por saberem ser essa a última oportunidade de dominarem e manterem o seu poder.

Com a abertura dos porões do abismo e a subida das “feras” ao plano físico, fica mais fácil para os Magos Negros, vampiros, reptilianos e confrarias satânicas encontrarem seus comparsas encarnados e utilizarem as energias fartamente geradas pelos líderes negativos (encarnados) facilitando o ataque aos Núcleos de Luz distribuídos no planeta.

Irmãs, da mesma maneira que vós fostes atacadas, outros doze grupos existentes que fazem trabalho semelhante, espalhados pelo mundo, também sofreram ataques simultâneos, como estratégia usada pelas Trevas para desestabilizar e dificultar o pronto socorro da Luz a esses Grupos.

Somente a ignorância e a rebeldia vindas da falta de amor, poderiam fazer com que as Trevas acreditassem no sucesso desse empreendimento, embora alguns núcleos tenham sofrido bastante com os ataques, em razão da fragilidade de algum componente.

Enviamos palavras de alerta para que vos prepareis, pois ataques ininterruptos serão feitos aos Trabalhadores da Luz, individualmente, e aos grupos.

Ficai alertas!

Paz e Luz.

Rochester

27/01/2012

.............................................................................................................................................................

 

13) CATEGORIAS DE VAMPIROS

 

         Existem diferentes categorias de vampiros.

         Vampiros escravos fazem tarefas em troca de sangue para se alimentarem (são viciados). Não possuem vontade própria. Ao rebelarem-se contra alguma ordem, são reprovados e “mortos”. A morte é simbólica, realizada em praça pública, à luz do Sol.

         O vampiro é amarrado numa estaca e colocado ao ar livre. Eles ficam esperando os raios solares chegarem para pulverizar o corpo do condenado, que de tanto utilizar o sangue como alimento, encontra-se necrosado. Quando a energia do Sol o toca, o sangue necrosado em seus tecidos pulveriza-se como carvão. Todos os demais vampiros, escravos e não escravos, ficam escondidos da luz e assistem, apavorados, a cena.

         Há os senhores vampiros que dominam os escravos. Estes são treinados em várias técnicas para exercerem suas tarefas. Só os mais habilidosos, aqueles cujos corações são imbuídos de propósitos no mal e sem tendência para fraquejar, podem se transformar em Senhores de Vampiros.

Esses vampiros passam por uma prova antes de se tornarem Senhores: são submetidos ao enfrentamento de sua nova condição. Em geral, essa prova consiste em assassinar a pessoa que ele mais ama e da forma mais cruel.

         Se passar na prova de frieza de sentimentos sublimes e obediência cega, torna-se um Senhor de Vampiros; caso contrário, torna-se um escravo.

            A terceira categoria é a dos Príncipes das Trevas. São aqueles que estão acima dos Senhores das Trevas. São almas escolhidas a dedo pelo Comando Superior dos Draconianos. Em geral, são almas inteligentíssimas, que possuem forte ambição e qualidades, como: frieza, destemor, histórico de magia na linhagem espiritual. São metódicos e manifestam a vontade de viver para sempre, com as impressões carnais da juventude.

         Há ainda, entre os vampiros, subgrupos que não descreveremos agora. Talvez, em outra oportunidade, o faremos.

         Um Príncipe das Trevas tem, sob seu comando, diversos Senhores. Ele é soberano e pode usufruir dos serviços de quantas mulheres desejar, sendo elas vampiras ou não. Até que escolha procriar, caso em que deverá escolher uma mulher encarnada que lhe caia nas tramas de sedução e receba seu gérmen vampiresco, que em seu corpo irá perpetrar-se, contaminando-lhe as células germinativas.

         Essa mulher gerará um filho, por vias normais, porém seu esposo na matéria, atraído a ela apenas como reprodutor carnal, logo desencarnará, transformando-se em um vampiro comum. Ela trará então à Luz do mundo, um filho, cuja alma, atraída pelo Príncipe das Trevas, acoplar-se-á ao seu duplo consumindo-lhe totalmente as forças até a morte.

Todo Príncipe das Trevas origina-se devorando as energias daquela que lhe doou o ventre como cálice para a vida.

Também essa mulher, tornar-se-á vampira ao desencarnar, podendo ou não tomar parte do harém particular daquele que a seduziu.

O pequeno ser cresce na matéria absorvendo energias físicas do meio em que vive e obtendo fluidos inferiores decorrentes de ações mágicas induzidas por seu genitor espiritual até que esteja pronto para desencarnar e seu espírito assumir a posição de Príncipe das Trevas.

Pergunta: Então, esses seres são forjados, não surgem espontaneamente?

Rochester: Correto. Os Príncipes das Trevas são minuciosamente esculpidos por técnicas especiais de magia e manipulação do sangue. Sua formação envolve a vida e a morte de muitos seres humanos ou não humanos que, ao longo de seu desenvolvimento serão sacrificados para fornecerem a eles a matéria prima que necessitam para existir.

Pergunta: Uma vez no plano astral, o que ocorre com o jovem Príncipe das Trevas?

Rochester: A ele é dado um pequeno reduto para que inicie seu próprio principado e será assistido pelo seu tutor, o príncipe que arquitetou e executou todo o plano que o gerou.

Pergunta: O que se passou na Ilha Grande foi isso? Quero dizer, havia o reinado de um jovem Príncipe das Trevas sendo instalado lá ([3])?

Rochester: O entendimento está correto. O local visitado pelo Grupo foi escolhido para se tornar a sede de um novo “Principado”, o principado de um jovem emancipado Príncipe das Trevas, cujo patriarca reside em país da Europa.

Pergunta: É o ser denominado Drácula?

Rochester: Drácula é a denominação dessa falange de Príncipes das Trevas: os mais velhos, todos eles são denominados Dráculas, por serem servos dos Draconianos.

Pergunta: Voltando à Ilha Grande: o início da instalação de mais um núcleo negro foi abortado e seus mentores, banidos. Não foi isso, meu irmão?

Rochester: Os Senhores das Trevas (vampiros da segunda categoria, com títulos de nobreza) que ali haviam se instalado foram aprisionados e seus escravos continuam sendo perseguidos e tratados com os cuidados adequados.

Pergunta: Haverá represálias (ao GESJ), certamente.

Rochester: a luta não se extinguirá com a linhagem dos Dráculas, ainda hoje presentes no planeta, mas iniciou-se um processo de desmantelamento da rede dos devoradores de sangue.

 

Vidências:

1) O episódio que vejo aconteceu após a luta do nosso Grupo com as Forças das Trevas na Ilha Grande, mas eu não pude participar dessa tarefa.

Vejo vampiros comuns e Senhores das Trevas, paralisados num grande salão de um “castelo” luxuoso. Alguns encontram-se flutuando no ar e outros, presos às paredes, nas sacadas e no chão do castelo. Apesar de não poderem se mover, estão lúcidos. São centenas!...

Lentamente, a Luz do sol começou a brilhar e os vampiros começaram a guinchar. Soltavam gritos agudos e muito altos. O teto do castelo ficou transparente e a luz do Sol penetrou, inundando o grande salão. A cena é estarrecedora. Gritos desesperadores irrompem no ar! Não sei se são de medo da luz, ou de dor. O fato é que, um a um, os vampiros são pulverizados e recolhidos em pequenas sacolas, como as urnas que contém as cinzas de corpos que são cremados. Ventos localizados direcionavam as cinzas para as sacolas que, em seguida, eram recolhidas por trabalhadores da Luz e lançadas em transportes que lembram os carrinhos de mão.

O cheiro de carne queimada no local é insuportável. Após pulverizarem os corpos dos vampiros os raios de luz vão cauterizando e derretendo toda negatividade presente.

Ao fim do processo, o salão está vazio; nem tão limpo, nem tão sujo, mas com as marcas de que ali houve um sério confronto entre as Forças do Bem e do Mal.

Anuncia-se o fim dos confrontos. Muitos vampiros escravos amedrontados que se esconderam no início dos combates estão em choque com tudo o que viram e saem dos esconderijos, suplicando ajuda aos Trabalhadores de Jesus. O pavor que viveram quebrou o encantamento que dominava suas mentes. Eles são recolhidos pelas “Equipes Socorristas” e levados, para que suas fichas cármicas sejam analisadas, caso a caso.

Outros “escravos” são também levados. Alguns saem dos esconderijos correndo alucinados pelo desespero e pelo medo, devido às fortes emoções oriundas do contato com as Forças da Luz.

Aqueles cujas mentes recobraram lampejos de arrependimento, ainda que por força do medo, não sofrem a ação pulverizadora do Sol, que apenas lhes queima ligeiramente, provocando feridas. Em geral, são vampiros mais recentes, cujos corpos astrais ainda não se encontram tão enrijecidos pelas necroses, oriundas do uso do sangue.

 

2) Em outro episódio, vi um confronto entre o nosso Grupo e o Príncipe das Trevas que iniciaria seu reinado em Ilha Grande. Enquanto ele era enfrentado pelos componentes do GESH, D. Margarida lutava com outro Príncipe das Trevas, o tutor que lhe havia dado origem.

Eles foram aprisionados pelos Exércitos da Luz. Da mente do Príncipe das Trevas, o Tutor, serão extraídas as informações que permitirão à Espiritualidade Superior traçar o plano definitivo de desarticulação da Rede de Vampiros espalhados pela Terra.

Trabalho extraordinário!

 

Rochester: Vários habitantes de Ilha Grande desencarnados que estavam destinados a tornarem-se vampiros escravos foram libertados. A limpeza no astral será feita em toda a ilha.

 

Conde Rochester

25/05/2012

Nota: Leiam as obras:

. Romance de uma Rainha vol. I e II -  Conde Rochester

. O Vampirismo -  Robert Ambelain

….........................................................................................................................................................

 

14) ONDE HÁ LUZ, ANULA-SE A ESCURIDÃO

 

Salve a Paz, salve a Luz!

As cidades dos Abismos estão em rebuliço!

O mundo terreno sente o reflexo das emanações nocivas dessas movimentações que o Exército das Trevas cria em suas ações malignas.

Há um plano arquitetado pelos Senhores da Guerra, em “submundos astrais”, no qual convocam todos os seus “asseclas e comandantes” para realizarem um ataque maciço em todo plano físico.

O intento desse ataque simultâneo é dividir e, por conseqüência, enfraquecer o “Exército da Luz”, pois acreditam não termos guerreiros suficientes para combatê-los, diante do que ocorre no mundo, onde a maldade, o ódio e outros sentimentos vis predominam nos corações humanos.

Na operação que organizam, criaram um exército de esfarrapados, em sua maioria vampiros que, por sua natureza servil, são apressados em cumprirem ordens para obterem a satisfação dos vícios.

Na verdade, as forças das Trevas tentarão usá-los como iscas, porque acreditam que atrairão os trabalhadores da Luz para as batalhas e, desse modo, os exércitos das sombras os prenderão, fazendo-os reféns.

Irmãos, onde há Luz, anula-se a escuridão e a arrogância. Sua condição de infelizes não permite detectarem nossos companheiros infiltrados em suas colunas, para que, aos poucos, distribuam armadilhas, encaminhando esses irmãos às Naves-Prisões.

Embora não possamos conter, de forma definitiva, o derramamento de sangue e a proliferação da dor e da miséria que a guerra traz, podemos proporcionar baixas em seus exércitos e minar as intenções perversas que envolvem e anulam o livre arbítrio dos encarnados.

E todos que, voluntariamente, se infiltrarem nos exércitos das Trevas, o fazem porque, um dia, também já foram como eles. Portanto, não causarão estranheza aos demais as suas participações nas lutas.

Sigamos com a Luz. Paz em vossos corações.

Rochester

06/09/2013

 

Vidência: - Vi muitos trabalhadores da Luz com a aparência de vampiros no meio dos guerreiros das Trevas, sendo reconhecidos por alguns deles.

.............................................................................................................................................................

 

15) GRAÇAS A DEUS, HOJE NÃO SOFRO MAIS.

 

Vidência: Durante a concentração, notei um homem ao meu lado. Aparência jovem, traços finos, olhar severo, alto, muito bonito.

Estranhei sua roupa antiga, toda preta, como as usadas na Idade Média. Sua pele era de um branco muito pálido.

Fiquei olhando e, aos poucos, sua imagem foi mudando. O rosto foi ganhando cor, a fisionomia tornou-se menos severa e a roupa foi clareando, até chegar ao branco. Sorriu para mim e falou:

Graças a Deus, hoje não sofro mais. Fui socorrido, porque, aos gritos, lembrei-me d’Aquele que, na cruz, nos perdoou. Hoje, não sou mais um morto-vivo. Não persigo vítimas em busca do fluido vital que percorre as veias dos vivos.

Agora, quando sinto o cheiro de sangue, quando presencio mortes e destruições, não me apresso, na ânsia de sugar as últimas energias daqueles sofredores. Tenho o controle da minha mente, procuro ajudar, embora ainda ignorante das Leis de Deus. Tento ser apenas um humilde servidor e anular o orgulho ancestral que moldava minha personalidade.

A história da minha vida vem dos tempos de uma civilização que se perdeu na longa trajetória que a humanidade percorreu.

Era déspota, comprazia-me em humilhar e subjugar os meus humildes servos e familiares. Sempre interessado em conhecimentos ocultos, dediquei-me com afinco aos estudos do “mundo invisível”, na busca de conseguir a imortalidade na carne.

Nessa procura louca, fiz vítimas, sacrifiquei crianças, pois descobri que seus espíritos concentram muita energia vital.

Amigos, cuidado com o que buscam, porque se não o fizerem com objetivo sublime, as almas da escuridão os encontrarão e os farão servos fiéis das suas vontades. Aqui estou eu, um antigo “servo fiel das Trevas”.

Nessa obsessão, juntou-se a mim um homem que, hoje sei, foi enviado pelo Comando das Trevas para ajudar-me a realizar meu intento.

Disse-me, aquele “Mestre”, que através do sangue eu obteria o que buscava: “A longa vida”. Seu conhecimento do oculto me seduziu e, obedecendo às suas instruções, iniciei o consumo de carne animal crua e sangrenta. Após, ele me recomendou que, aos poucos, eu consumisse carne e sangue humanos.

Com o tempo, quando já estava refém da sua vontade, passei a beber o sangue das vítimas que eu sacrificava, no louco delírio de uma alma perdida.

Enfim, fui descoberto e enfrentado pelos meus vassalos e familiares. Aprisionaram-me e fui sentenciado à morte, por ser um vampiro e render culto a Moloc, o “Mestre das Trevas”.

Enganaram-se, julgando que, com essa decisão, poriam fim a minha perseguição às almas encarnadas. Foi o início de uma nova fase.

Disse-me um antigo Mestre de Vidas passadas, que esse feiticeiro era ligado a mim em várias existências, em outros Mundos, e que me buscava para continuar suas práticas macabras, e que eu, fiel aluno, conseguiria o sangue necessário para seus experimentos.

Conto isso, irmãos, porque um antigo amigo de vidas passadas e que me tem como irmão, hoje espírito iluminado, socorreu-me e amparou-me quando necessitei; seguindo seu conselho, contei uma pequena parte da minha vida (nota do médium: Ao lado desse espírito, vi o nosso Instrutor, Rochester, acompanhando-o em sua narrativa).

Sou, hoje, um trabalhador de Cristo, que procura ajudar a resgatar os irmãos que se comprazem com o “vampirismo” a encontrarem a paz e a Luz do Mestre Jesus.

Como o tempo é curto para longas explicações, aos poucos, procurarei passar, de forma simples, o que é ser vampiro e como se dá a transformação, bem como outras informações necessárias, referentes a esse assunto.

Paz em vossos corações.

Lord Vladimir (Rússia)

07/09/2013

….........................................................................................................................................................

 

Para não dizer que não falei de flores...

 

Leitores amigos, o assunto dessa divulgação foi, realmente, muito carregado. Entretanto, para que não terminemos assim, publico novamente aqui uma prece recentemente disponibilizada como mensagem semanal em nosso site. Essa prece, ditada pelo maravilhoso irmão Chico Xavier, traz conforto e alento aos nossos corações, convidando-nos à mudança intima.

Paz em vossos corações. Que Jesus esteja convosco, hoje e sempre.

 

16) Oração de Chico pela humanidade

 

Que a Luz dos Mestres Ascensionados paire sobre a humanidade neste “final de tempos”!

Pai misericordioso!

Em Vossas mãos colocamos os nossos destinos.

Em vosso coração, imploramos que abrigueis as almas sofredoras dos ciclos finais da Terra, entre elas, aqueles que amamos e também os nossos desafetos.

Guiai-nos em nosso esforço de aprender a amar, pois ainda somos pequeninos aprendizes na senda do progresso, errando e acertando em várias existências.

Pedimos por aqueles que, por força do carma, vivem inseridos na violência e no abandono, por ainda não conhecerem o sentido do amor e do perdão.

Rogamos também por vossos filhos que vivem intensamente as sensações dos instintos inferiores, degradando-se em atos vis.

Olhai, Pai, por aqueles que, mesmo no abrigo do lar, vivem contendas violentas, ainda que sabendo que são atraídos para os seus desafetos do passado por força do magnetismo cármico.

Intercedei, Pai, pela Casa Planetária, que ferida de morte na sua delicada energia sutil, resiste bravamente e obediente até o fim dessa fase de dor, pois que resignada ao Criador, aguarda a Sua ressureição para a Luz do progresso.

Não vos pedimos que nos livreis das dores, dos sofrimentos e dos duros aprendizados que nos elevarão à condição de novos homens. Pedimo-vos que nos ensine a ter coragem e perseverança para passar pela escola da vida, que nos ensinará belas lições para um novo futuro, quando, mais sábios, não mais

teremos que voltar a estudar as lições exaustivamente ministradas pelos Mestres, pois as batalhas perdidas por desrespeito a Vossas Leis permanecerão gravadas em nossas memórias.

Amado Mestre Jesus, que Vossa Luz balsamizante mantenha firmes os que já vibram em Vosso amor e perdão, que eles sigam modificando e limpando-se dos erros pretéritos para abrigarem em si a Luz necessária para habitar a nova Terra de paz e de harmonia.

Mestre Jesus, pedimos Paz para a humanidade.

 

Chico Xavier

03/01/2017

.............................................................................................................................................................

Endereço para correspondência: "Grupo Espírita Servos de Jesus" - Avenida Santa Leopoldina, nº 51, Bairro Praia de Itaparica, Vila Velha/ES CEP: 29.102-040

Endereço para assistir as reuniões: Rua Hermes Curry Carneiro, nº 555 - Templo, Bairro Monte Belo, Vitória/ES CEP: 29.053-221

Dias e horários das reuniões públicas: Terças- feiras às 14h e quintas-feiras, às 19h30min. Para os que pedem orientação, no sentido de colaborar conosco, comecem por tirar cópias das nossas mensagens e passá-las para outras pessoas ou indiquem nosso site www.extraseintras.com.br

 

Leiam nossas obras:

- Os Extraterrestres e Nós – Vol. I, II e III

- Cidades Intraterrenas – O Despertar da Humanidade

- Os Decaídos e Sua Trajetória Terrestre – Vol. I, II e III

- Mãos Súplices por Socorro – Nos Bastidores visíveis e invisíveis dos presídios

- Mensagens do Mestre Jesus

- Comandante Yury

- Os Intraterrenos – Missão Resgate Planetário – Notícias do Cel.Fawcett

- As Bombas de Hirochina e Nagasaki

- Mensagens do Comandante Setum Shenar

- Mensagens do Mestre Ramatis

- Mensagens de Chico Xavier e Eammanuel

- A Besta

- Os Reptilianos

- Mensagens do Comandante Ashtar Sheran

- Sementes ao Vento

- Mensagens de Maria de Nazareth, Joana de Angelis e Irmã Dulce

- Mensagens dos Nossos Irmãos Índios

- Mensagens dos Nossos Irmãos Negros

- Nostradamus

- João Batista

 

Notas;

[1]: O GESJ faz irradiações semanais para diversas categorias de espíritos sofredores, dentre eles os chamados “Inimigos da Luz”, que são seres que lutam contra o avanço das Hostes do Bem. Alguns irmãos em tratamento em nossa colônia astral recebem a transmissão nas enfermarias e nos quartos do que ocorre no plano físico, em nossas mesas de trabalho.

[2]Rave é um tipo de festa que acontece em sítios (longe dos centros urbanos) ou galpões, com música eletrônica. É um evento de longa duração, normalmente acima de 12 horas.

[3]: Em vigília realizada em Ilha Grande – RJ, ocorreram vários casos de vampirismo, em que muitas pessoas, entre prisioneiros, visitantes e moradores, tornaram-se escravos desses seres.




RETORNAR ÀS MENSAGENS E DIVULGAÇÕES
ENTRE EM CONTATO CONOSCO AGORA MESMO!
Todos os direitos reservados ao Grupo Espírita Servos de Jesus | 2017
FBrandão Agência Web