73

Divulgação 73

16/04/2016



Edição Especial: Continuação de "Corpos Preservados" (Divulgação 70)

APRESENTAÇÃO

Queridos leitores, que a Paz do Mestre dos Mestres esteja presente em vossos corações e nos corações de todos os homens de boa vontade sobre a Terra!

Esta divulgação é um trabalho compilado pela irmã Margarida e que está sendo publicado após o seu desencarne, em 15/11/2014. Se pudermos usar essa expressão, diremos tratar-se de uma "obra póstuma".

Esse trabalho vem como continuação do tema abordado na Divulgação 70 que tratou dos "corpos preservados". Estes corpos são como aparelhos humanos, orgânicos, preservados para utilização por irmãos com entendimento para tal e que, ou não possuem mais um corpo material, ou não tem possibilidade de se deslocarem com seu corpo material até o local onde necessitem de sua presença, quando em missão no nosso planeta. Mas não vamos nos prolongar na explicação, para que não influencie a vossa avaliação. Apenas iniciamos o tema para provocar o desejo de conhecimento, de quem busca se preparar para os dias vindouros. Outras mensagens, atualíssimas e de conteúdo marcante, também compõem essa divulgação.

Esperamos que todo o conteúdo aqui apresentado seja enriquecedor e, mais uma vez, mostre o quanto ainda poderemos evoluir. E ainda temos tempo pra isso! Se dermos um passo na direção dos Irmãos Maiores, estes andarão quilômetros para estar conosco. Como já o fizeram.

Refazei a leitura da Divulgação 70 e, em seguida, iniciai a leitura desta. Percebereis que não estais sós. E, quando necessitardes da ajuda dos nossos irmãos maiores, crede que ela poderá vir de onde menos se acharia possível. Veremos que esses irmãos, pela humanidade terrena, são capazes de descer aos charcos e nos buscar pelas suas próprias mãos, mesmo que vestidos em "roupas emprestadas", já que descartaram as próprias roupas há muito tempo.

Que o amor do Cristo sempre se expanda em todos os corações. Que a solidariedade e a caridade façam parte de nossos modos de vida.

Boa leitura!

MENSAGENS SOBRE CORPOS PRESERVADOS

01. Povo brasileiro, confiai nos desígnios de Deus!

Salve, Jesus! Que a Paz do Senhor dos Mundos envolva a todos nós.

Amadas discípulas, estamos convosco para apaziguar os ânimos, porque, conscientes de vossa responsabilidade cristã, perturbai-vos perante as tarefas que temos apresentado.

Não estais sós e nenhuma tarefa foi ofertada acima de vossas forças, pois a Misericórdia Divina garante que cada um receba o fardo correspondente à sua condição espiritual. Entretanto, não será sem esforço que havereis de galgar os degraus que conduzirão ao progresso, outrora desprezado.

Equipes de espíritos amigos, dedicados e valorosos Trabalhadores da Luz, despendem grandes esforços nessa hora para trazer, à Pátria do Cruzeiro, as "vibrações superiores" emanadas das Esferas de Paz e Harmonia e lançadas a vós como acréscimo de Misericórdia do Criador. Elas são transportadas pelos amigos Extraterrenos, irmãos nossos. São colhidas pelas mentes de dedicados trabalhadores e transferidas para o povo brasileiro com o objetivo de fazer despertar em suas consciências o sentimento superior de amor à Pátria, de fraternidade entre os povos, de bondade e amor ao próximo, como consta nas características primevas da formação deste povo.

O Mestre Jesus, Governador Excelso de nossas almas, determinou que assim fosse constituída a população brasileira, através da miscigenação, não apenas das características hereditárias presentes na matéria, mas, principalmente, das características morais dos espíritos convidados a integrarem esta nação.

Todos que, nesse período de "final de tempos", aceitaram o convite, aqui se encontram reunidos. Nessa hora, verão despertar suas mentes e por elas serão conduzidos, na disposição de concretizarem os Planos de Deus, de transformar a Pátria do Cruzeiro no emblema de Luz a irradiar esperança aos povos do planeta, traduzindo as palavras do Evangelho de Jesus em práticas cristãs.

Irmandade, simplicidade, respeito, resignação, coragem e força serão as qualidades morais que deverão florescer, perfumando a chegada da Nova Era.

Povo brasileiro, confiai nos desígnios de Deus; praticai as lições do Evangelho e aguardai, pois não se encontra sozinho aquele que serve a Deus.

Irmã Margarida, o assunto que vindes preparando para elucidar junto aos irmãos que caminham convosco chegou até vós após a triagem necessária. Apenas uma pequena parte introdutória do tema encontra-se disponível para vosso entendimento.

Assim foi determinado para que este assunto, como os outros que recebestes, pudesse contribuir com a preparação das mentes, para o enfrentamento dos duros momentos que viveis e de outros que surgirão.

Aqui estamos para esclarecer-vos na forma e no conteúdo do que nos for possível, dentro da programação determinada pelo Alto.

Penha - Do estudo que estamos fazendo ficaram dúvidas. Dispensaremos muito tempo para formularmos perguntas. Será possível formularmos as perguntas para que possam ser respondidas em outra oportunidade, com mais objetividade e clareza?

Margarida - O irmão estava presente quando nós estávamos lendo e discutindo o assunto?

Ramatis - Sim, estava assistindo ao vosso trabalho.

Margarida - Então, o irmão sabe quais os temas que produziram debate entre nós. Houve interpretações diferentes do mesmo assunto.

Ramatis - As mensagens chegaram como os retalhos produzidos por uma costureira e que vão sendo colocados à parte. A irmã, também como a costureira, recolhe os retalhos e costura-os, formando a colcha que aquece o corpo.

Mensagens chegaram através de vários trabalhadores, com mediunidades em diferentes condições e estágios. A irmã recolheu as informações, deu-lhes forma e as publicou, levando o assunto ao Mundo, levantando a ponta de um véu.

Muito mais conhecimento existe. Afirmamos-vos que apenas introduzis o assunto com tal trabalho, devendo, aquele que o lê, compreender que não é todo o conhecimento que chega, mas apenas o caminho para novas descobertas.

A Luz se faz na medida em que o entendimento avança, mas é preciso caminhar e, para tal, é preciso trazer a mente aberta ao novo.

Corpos preservados são organismos destituídos dos espíritos que, um dia, os animaram.

Corpos fabricados são corpos criados pelos Engenheiros Siderais para serem conservados. Ambos, corpos preservados e fabricados, são utilizados para tarefas superiores, por seres em diferentes estágios evolutivos; porém todos já em patamar de vibração de solidariedade por aqueles aos quais assistem.

Apenas espíritos que compreenderam o sentido e a necessidade do serviço é que podem utilizar-se de um corpo preservado ou fabricado.

Margarida - Eu trouxe esse assunto para o público nesse momento através das nossas "Divulgações trimestrais", porque lendo e relendo as mensagens antigas, cheguei a uma conclusão: nós estamos vivendo uma época em que precisamos conhecer melhor o que é um corpo preservado, como e quando ele deve ser usado. Quem sabe, se uma de nós aqui do Grupo não vá precisar usá-lo para ajudar outras pessoas, após essa transformação que a Terra vai passar, no sentido de sofrimento, de caos e de perda?

Ramatis - No caso de, após vosso desencarne, a irmã observar a condução dos trabalhos do GESJ em discordância com os Desígnios Maiores, e lhe fosse facultado usar um corpo preservado para manifestar-se diante do Grupo, a irmã o faria?

Margarida - Se fosse necessário eu o faria sim. Sem receio algum.

Ramatis - Muito mais fácil seria para o Grupo recebê-la, compreendendo o que se passava, e para a irmã explicar a situação, sabendo que vosso público a compreenderia.

Margarida - As pessoas me reconheceriam.

Ramatis - O "conhecimento" tem por finalidade favorecer o progresso, auxiliar as pessoas e elucidar os mistérios, pois tudo deve estar acessível àquele que progride. Entretanto, somente o progresso, o caminhar de cada espírito, de cada criatura, dá a ele o acesso a conhecimentos superiores, e de forma crescente. É necessário aprender uma lição para, então, passar a uma seguinte.

Vosso grupo e aqueles que nos acompanham ao redor do Mundo já compreenderam que não estamos sós na Terra. Vosso grupo mostrou que Irmãos nossos, vindos de outros orbes, coexistem conosco. Também mostrou que seres habitantes de Mundos Subterrâneos também coexistem conosco como irmãos. Agora, o vosso trabalho de Divulgação convida a todos a compreenderem quais outros recursos a Espiritualidade Superior lança mão, para favorecer o progresso da humanidade.

Um deles é a utilização de "corpos preservados", que permitem a manifestação de espíritos em diferentes orbes, em diferentes situações, mas sempre para o exercício da bondade e da fraternidade entre os seres.

Avançai, destemidas, pois se os erros e as falhas presentes no trabalho comprometessem seu resultado, partiria de nós a solicitação para que o interrompessem.

Perseverai no estudo e a assistência recebida vos auxiliará na compreensão e na divulgação das lições recebidas.

Margarida - Posso perguntar quem está falando?

Ramatis - Vosso irmão, vosso Mestre Ramatis.

Margarida - Obrigada, querido Mestre, por vossa generosa presença entre nós, irradiando amor, coragem e paz em nosso humilde e pequenino GESJ.

Não sei se devo falar sobre o assunto, mas, ainda estamos discutindo sobre aquela carta que o irmão fez para nosso irmão...

Ramatis - Ainda se encontra em andamento o plano de envolver nosso irmão na divulgação dos assuntos que vindes recebendo e passando adiante. Não apenas pelo benefício prestado à humanidade terrena, nessa hora grave, mas também porque dentro da programação daquele irmão encontra-se a oportunidade de transcender seus limites e avançar no trabalho mediúnico sem as amarras, sem o controle daqueles que o cercam, baseado na fé, na determinação e na lógica que o seu espírito possui após longos anos dedicados ao trabalho mediúnico. Entretanto, acima de nós, está a Lei de Deus, e devemos respeitar o livre arbítrio do irmão. Mas ainda nos encontramos dentro do prazo estabelecido para a aquiescência do convite. Aguardemos com paciência.

O tempo de cada pessoa é diferente. Oremos ao Pai, para que inspire ideias e sentimentos superiores ao irmão, para que possa dar o salto, libertar-se e trabalhar convosco em uníssono, pelo bem da humanidade.

Margarida - As vezes, tenho vontade de fazer uma carta e dizer-lhe várias verdades. Mas, depois, contenho-me, pois ele ficou vários anos sem me escrever quando falei com ele a respeito de seres extraterrestres. Nesse momento, desisto e entrego nas mãos de Deus.

Ramatis - Se vos ajuda o que vou dizer, irmã, nós também, muitas vezes, desejamos sacudir-vos. Ao longo de vossas jornadas, quantas vezes não tivemos a mesma vontade de aparecer, fazendo-vos refletir sobre o tempo perdido, sobre a demora na compreensão de nossas palavras, na escuta de nossos chamados!

Aprendemos, com o Mestre Adorado, a esperar. Por mais difícil que seja a espera, ela reflete o amor que aprendemos a ter pelo próximo. Este tempo é também de aprendizagem para cada um de nós.

Margarida - É preciso ter paciência.

Ramatis - Se o irmão tivesse programado o seu desenvolvimento mediúnico para a responsabilidade da irmã, seríamos nós os primeiros a convidá-la à cobrança necessária para o bom funcionamento da máquina medianímica; entretanto, não é o caso e, portanto, não podemos interferir.

Não está sob nossa responsabilidade, muito embora façamos parte de um Plano Maior.

Margarida - Eu tenho pensado, nesses dias, que ele deve fazer parte desse nosso "grupo". Nós viemos exilados, o Mestre Jesus pediu que o Mestre Ramatis nos assistisse e nos conduzisse no exílio. Penso que ele deve fazer parte daquela leva de degredados.

Ramatis - É a ovelha desgarrada do nosso amor, mas só poderá reconduzir-se ao seu núcleo original quando for o momento, quando sua alma encontrar-se preparada e desejosa desse retorno.

Não se pode forçar a abertura do casulo da lagarta em transformação, pois, antes do tempo, a borboleta ainda imatura morreria se de lá a retirássemos. É preciso compreender a sabedoria de todas as coisas, da Criação Perfeita do Pai.

Cada espírito tem o seu tempo para amadurecer; após o desabrochar de um novo ser, repleto de Luz, este se encontrará pleno para exercício da sua condição de filho muito amado do Pai, revertendo, em favor de todos, as belezas supremas desenvolvidas em sua alma pela metamorfose natural do progresso.

Aguardemos com paciência e, enquanto aguardamos, trabalhemos em favor da humanidade terrena. É o convite que vos fazemos.

Destemidas, perseverai, pois não estais sozinhas. A pequena célula que formais integra o corpo da coletividade brasileira e, com o passar do tempo, compreendereis que os produtos do vosso trabalho se unirão a outros, dando corpo e configuração à metamorfose maior da coletividade, cumprindo-se, dessa forma, os desígnios do Criador.

Estamos todos a serviço do Mais Alto. Rogamos ao Pai bênçãos de Luz, discernimento e coragem para todos que servem com perseverança ao Mestre Jesus.

Margarida - Agradecemos a dádiva da presença amiga e que continue sempre conosco, como tem sido até hoje e que não venhamos a criar nenhum problema que nos faça perder a Vossa companhia.

Ramatis - Antes que tal ocorresse irmã, seríeis arrebatada do vosso corpo; portanto, se ainda vos encontrais encarnada e colhendo as duras provas da velhice na matéria, é porque sois servidora fiel, que ainda necessitamos entre os encarnados, divulgando nossos pensamentos e materializando a Vontade do Pai, servindo ao Mestre Jesus.

Que Deus vos abençoe, envolvendo-vos na mais pura vibração de paz e amor.

Salve a Luz, salve os Trabalhadores de Jesus.

Ramatis

GESH – 13/07/2013

 

 

 

02. Desajustam-se as mentes humanas

Filhas amadas, Jesus vos abençoe.

Praticai o desapego aos bens materiais e aos entes queridos do vosso coração.

Aproximam-se da Terra momentos de intensa violência. Multiplicar-se-ão os atos de barbárie.

Preparai vossos entes queridos para enfrentarem a dor, a fome, a sede e a desolação.

Desenvolvei a coragem e a fé, para que vossas mentes não se encontrem em desalinho.

A desaceleração do processo depurativo solicitado por Jesus estendeu-se pelo prazo máximo concedido pelo Pai Amantíssimo; porém, as descargas de venenos da Besta, cujo reduto sobe das entranhas abismais em direção aos planos menos densos, provocam nas criaturas humanas o desabrochar brusco da animalidade, reprimida ou não, desencadeando e acelerando o processo do "Juízo Final".

Intensa é a atividade de separação do joio do trigo, como intenso é o resgate das almas selecionadas para exílio ou amparo nas Cidades Intraterrenas, Planetas e Naves Espaciais.

Desajustam-se as mentes humanas ante a miséria moral que campeia no globo terrestre.

A utilização de "Corpos Preservados" já é uma realidade nesses dias de caos e transformação planetária.

As criaturas que se encontram nos primeiros degraus de entendimento acerca da vida extra-física, da sobrevivência da alma e dos Mundos habitados, não demorarão em entender e aceitar a lógica e a realidade dos "Corpos Preservados".

Porém, a massa humana em baixas faixas vibratórias não assimilará a lição. Essas pessoas fazem parte do contingente dos socorridos e exilados para outros Mundos, inferiores à Terra.

No entanto, aqueles, cujas mentes estejam em sintonia com as Forças do Bem, mesmo sem aprofundarem-se em conhecimentos extra-físicos ou esotéricos, ouvirão as palavras esclarecedoras e serão conduzidos ao "resgate planetário" para alguma Cidade Intraterrestre por alguém que esteja utilizando um "Corpo Preservado".

O Planejamento Divino prevê, acertadamente, a hora de finalizar a etapa expiatória da Terra.

Jesus vos abençoe, hoje e sempre.

Vosso Mestre,

Shama Hare

GESJ – 13/07/2013 – Vigília ASJ

 

 

03. Os Corpos Preservados

No Tibete, tivemos muitas horas de estudo e prática dos assuntos esotéricos espirituais, mesmo que, na época, minha mente e meu corpo desejassem alimento e repouso. Mas o meu Guia muito sabiamente me alertava do pouco tempo que tínhamos para assimilar todo o conhecimento que ele e outros Instrutores nos ministrariam.

Os ocidentais têm dificuldade para entender a realidade intensa e pulsante da vida, além dos limitados e parcos sentidos materiais que o corpo físico lhes proporciona.

Poucos dos que tomarem conhecimento do assunto entenderão e aceitarão a existência de "Corpos Preservados". Porém, irmãos, esse tema faz parte do conjunto de informações que esta humanidade já deveria saber, sem causar mais espanto.

Divulgai ao máximo porque, quando um assunto é discutido, ele reverbera no espaço, atingindo planos e sub-planos invisíveis. E não é somente a humanidade encarnada que deve conhecer as "Verdades ocultas", também a humanidade invisível estuda, aprende e se modifica.

O "Juízo Final" é uma realidade e não dá mais para manter oculto verdades necessárias para o ser humano que vivencia e vivenciará o caos planetário.

Utilizar-se de um "Corpo Preservado" será recurso não somente dos Seres Superiores, Seres Extraterrestres e Seres Intraterrenos. Também os encarnados se utilizarão deles para se manifestarem em regiões distantes do seu ambiente, para executar tarefas instruídas por Mestres Ascensionados.

Os "Corpos Preservados" serão utilizados também pelos espíritos para se manifestarem no plano físico, em tarefas excepcionais, onde a materialização não atenda ao objetivo da missão.

Os "Corpos Preservados" serão utilizados em grande número após "os três dias de escuridão", em várias partes do globo, por pessoas comuns que foram treinadas, como vós, e que já alcançaram certo grau de elevação espiritual, além dos Seres Superiores que vos guiam, sempre que houver necessidade, para acelerar o "resgate" dos que não sucumbiram pelos gases venenosos.

A Presença de Deus em tudo se apresenta no auxílio aos Seus filhos.

Salve, Jesus.

Paz, sempre.

Rampa

GESJ – 13/07/2013 – Vigília ASJ

 

04. O esclarecimento virá com a expansão da consciência

Vidência:

Saí do corpo e fui levada à Cidade do Grande Coração. Deslocamo-nos na direção de um auditório, onde Nicanor fazia uma palestra sobre Corpos Preservados. Mas, ao contrário do que normalmente ocorre, não captei toda a palestra; minha mente ouvia algumas passagens que ficavam claras na forma de frases.

Em seguida, vi um homem saindo do corpo. Foi levado a uma nave espacial que partia em direção a um planeta. O planeta parecia já ser conhecido daquele homem. Seu corpo físico permanecia dormindo ou estava em coma, não sei bem, pois o local onde o vejo dormir parece um hospital.

Uma vez na atmosfera daquele planeta, a nave estacionou, como se aguardasse uma adaptação do homem à psicosfera local.

Depois de certo tempo, ele desceu. Viu entes queridos, sofreu forte impacto emocional de estar com os seus. Sua memória voltou.

Pediu a oportunidade de encontrá-los, usando seu antigo Corpo Preservado.

Oportunidade concedida, ele desce e também é reconhecido. Ouço-o dizer a uma mulher com quem se encontra: "Não posso ficar muito tempo, a bondade de Deus é grande".

Depois, explica que necessita continuar vivo em outro mundo e que se encontrarão novamente. Ele diz:

"Cumprimos nossos destinos. Tem fé e coragem; dá testemunho do Amor de Deus por seus filhos, honrando os compromissos, na certeza de que serás recompensada. Nossas almas se pertencem, independente da distância e do tempo, pois é o amor sincero que nos une e para o amor não há limites, nem fronteiras. Devo ir. Coragem! Prossegue! Deus está conosco."

Não sei dizer qual dificuldade aquela mulher passava, mas a presença desse homem deu-lhe novo vigor.

Terminado o encontro, voltou para a Nave espacial, deixou o Corpo Preservado num esquife e retornou para a Terra. Demorou-se na psicosfera da Terra, fazendo uma adaptação. Em seguida, vejo-o sendo levado de volta para o seu corpo atual no leito. Seu cordão de prata encontra-se fortemente ligado ao corpo, o espírito entra num estado de sonolência e adormece sobre seu corpo.

Minha mente está cheia de perguntas. Vem a resposta:

Os esclarecimentos virão na medida em que vossas mentes forem expandindo a consciência.

Perseverai, pois não há outro meio de progredir, senão ditando ao espírito ainda imperfeito a disciplina e o esforço do estudo e do trabalho.

Que a paz esteja entre vós.

Ramatis

GESH – 02/08/2013

 

 

05 – Tende fé!

Irmãos e amigos!

Não estais sós. Sois monitorados por todas as horas do dia.

Enquanto dormis, sois submetidos a sessões de tratamento que depuram vossos corpos astrais e drenam as mazelas que estavam aderidas para os corpos físicos.

Quando falta conhecimento para a realização de tarefas, sois classificados em grupos de estudos específicos para que sejais esclarecidos e ocorra o bom desenvolvimento do trabalho a que vos oferecestes.

Quando a carga de energia excede, levando-vos aos conflitos existenciais decorrentes da falta de clareza de vossas mentes turvas pelas emoções inferiores, ofertamos-vos o trabalho como remédio que acalma, reequilibra e organiza a estrutura íntima de vossa psiquê, para que, livre de impedimentos, possais deixar livre o trânsito das forças restauradoras do Amor Divino.

Tende fé. Não estais sós.

Somos muitos a trabalhar na preparação da humanidade para os momentos difíceis que virão. Sede instrumentos dóceis do Amor de Deus, pois Ele não requer explicações para se fazer presente e arrebatar os seres às Esferas Superiores.

Trabalhai no sentido de vos tornardes receptáculo do Amor de Deus. Servi ao próximo como quem oferta a taça de água puríssima que sacia a sede do caminhante no deserto.

O assunto que está sendo divulgado - Corpos Preservados - deve alcançar os irmãos, de forma a atuar em suas mentes como a picareta que insistentemente age sobre a pedra, até que o garimpeiro vislumbre o brilho da joia preciosa que ali jaz escondida.

Perseverai no serviço até que palavras sejam desnecessárias, diante do imediatismo das ações que deveis adotar como regra de atitude cristã.

Havereis de encontrar, no campo do conhecimento semeado hoje, as flores surgidas das sementes amorosamente cultivadas por vós.

Que a paz dos Mestres seja vosso roteiro de Luz no discernimento a adotar.

Estamos convosco.

Rampa

Pergunta – irmão, posso perguntar?

Resposta – sim

Pergunta – Além do corpo físico, outros corpos podem ser preservados? E se puderem, também podem servir de veículo para "espíritos de Luz"?

Resposta – Os corpos são apenas estruturas transformadoras mais ou menos sutis, para manifestação do espírito imortal. E, assim sendo, podem servir, quando preparados para tal, de veículo para manifestação de Espíritos de Luz, nos vários planos de existência.

Pergunta – Mas, inicialmente, nos foi transmitida uma lição de que os corpos físicos seriam objetos de preservação. Podeis nos esclarecer melhor quanto a isso?

Resposta – Também vos foi dito que estais no limiar de um assunto profundo, cuja elevação deveis conquistar com esforço da mente em desapegar-se gradativamente das amarras que a detém na forma de pensar limitada da terceira dimensão.

Não poderíamos, sem prejuízo ao vosso psiquismo, transmitir, de uma só vez, o conjunto de conhecimentos de domínio e de livre circulação dos habitantes dos "Mundos Superiores".

Assim como na Escola Primária é que se inicia a alfabetização infantil, nós selecionamos e enviamos, ao Mundo Físico, capítulos iniciais do "assunto", que se tornarão gradativamente mais complexos, procurando facilitar a compreensão.

Confiar e perseverar são atributos do discípulo que aspira alcançar o estágio de sublimação de suas energias mais densas.

Convosco, sempre.

Rampa

GESH – 02/08/2013

MENSAGENS DIVERSAS

01. Agitações, catástrofes e multidões enfurecidas

Desejamos a paz e por ela trabalhamos.

Irmãos, na contagem do tempo, pouco falta para a "hecatombe mundial" que verticalizará o eixo da Terra. Ela trará para o planeta uma transformação nunca vista por esta humanidade que, há séculos, nasce e renasce nos seus domínios.

Agitações, catástrofes e multidões enfurecidas fazem parte da trajetória programada para os "Tempos Chegados" em todos os planetas que estão na categoria de "dor e expiação".

Se aqui, como em outros planetas, encarnam espíritos ainda atrasados, não há como esperar que o ser humano, na busca da sua redenção cármica, esteja totalmente espiritualizado e ciente da necessidade de viver, na plenitude, as "Leis Morais do Cristo".

O "Final de Tempos" é justamente o período que estão vivendo, em que o joio e o trigo encontram-se espalhados ao longo do caminho, porém, facilmente identificáveis.

Nós, Extraterrestres e Intraterrenos, estamos devidamente cientes do número decrescente dos "direitistas"; entretanto, não diminuiremos e nem alteraremos nossa dedicação, nosso esforço e nem o número de trabalhadores usados na execução das tarefas, às quais nos dedicamos com amor. Nossa tarefa consiste em percorrer os universos onde a semente de Deus foi plantada e que precisa de amor para crescer, desenvolver e dar frutos.

Somos o resultado dos esforços de muitos seres, hoje considerados Anjos e Arcanjos. Nas nossas horas de dores, fraquezas e rebeldias, eles estenderam as mãos e nos ergueram, tornando possível nosso resgate e consequente progresso espiritual.

A mensagem que hoje trazemos para o Mundo é: não deixeis de divulgar as nossas palavras, bem como as mensagens dos vários seres enviados pelo Cristo Planetário como alerta, porque mesmo sem saberdes seu alcance, elas dão esperanças a entes queridos por vós, encarnados em qualquer quadrante planetário, que carecem da ajuda e das informações nelas contidas.

Isto, irmãos, é solidariedade sem preço, unida ao amor.

Paz do Cristo Planetário!

Arthron

GESH – 21/06/2013

 

 

02. Viveis irmãos, tempos de guerra!

Irmãos em Cristo!

A Terra do Cruzeiro (Brasil), como no seu nascimento, continua cercada pelas Hostes Divinas, para que cumpra sua tarefa de tornar-se berço da nova civilização que aqui encarnará.

Todos vós, brasileiros, não vos inquieteis com as turbulências que agitam o cenário nacional; outras virão até o derradeiro fim da trajetória regeneradora de dor e expiação.

Estar encarnado na Terra do Cruzeiro não credencia a criatura a ser anjo, nem tão pouco a transforma em alma pacífica e pura.

Em meio à desordem, infiltram-se nela uma massa de usurpadores que, ao longo dos séculos, invadiram, saquearam e vilipendiaram a Terra Amada Brasil.

Hoje, não mais possuem a imagem do bugre ignorante; transvestem-se de civilizados com costumes e vocabulários urbanos, porém, no imo, ainda ferve o ódio, a revolta e a vingança, que lhes instiga e mina o pouco de civilidade que conquistaram.

Viveis, irmãos, tempos de guerra, e esta se dá no visível e no invisível. Contudo, mesmo com as conturbações, os ódios e as insatisfações que são extravasadas através dos gritos nas ruas, mais doloroso e mais intenso é o sofrimento daqueles que, ocultos dos olhos humanos, clamam por ajuda, esperam pelo perdão, bradam por justiça.

São todos, de certa maneira, "privilegiados" por estarem em um corpo físico; portanto, não desprezeis essa oportunidade de, no presente, impulsionardes o progresso moral de vossas almas.

Se assim procederdes, o solo onde pisais será a Terra que todos esperam no futuro: justa e fraterna.

Avante, brasileiros! Lutemos pela Nação do Cruzeiro, que desponta como a Terra da Regeneração que, futuramente, abrigará aqueles que lutam sob a bandeira do Cristo pela Paz, Amor e Fraternidade.

Marechal Deodoro da Fonseca

GESH 28/06/2013

 

03. Reconheci alguns trabalhadores da Luz

Vidência:

Vi feras em grupos subindo do astral inferior. Ligados a cada grupo, um "Senhor do Mal", espírito frio, cruel, de inteligência desenvolvida e vestido para guerra. Uniforme camuflado, capacete, botas, muitas armas e correias de munição atravessadas no corpo. Esses "comandantes trevosos" mantém comunicação direta com a Besta e induzem encarnados ao crime do derramamento de sangue.

Fui elevada no espaço e passei a ver o Brasil do alto. Do território brasileiro, subia uma fumaça branca que parecia ser o "corpo espiritual" do nosso país. Seus contornos formavam no espaço uma espécie de muro, nas fronteiras astrais do Brasil.

Acima dessa nuvem branca com o formato do Brasil, reconheci alguns trabalhadores da Luz: O primeiro deles foi Ismael; em seguida, Duque Estrada, Marechal Rondon, Oswaldo Cruz, Duque de Caxias, Anchieta e Francisco de Assis.

Esses irmãos se concentravam e a fumaça branca que eu vi parecia estar sendo plasmada por eles, como uma barreira psíquica contra a invasão de espíritos negativos vindos de outros países. Esse trabalho também controlava a subida dos "seres feras", numa proporção que não fossem impedidos de subir, mas que também não anarquizassem totalmente o Brasil.

GESH – 28/06/2013

 

 

04. Não é possível o tempo...

O homem busca respostas para seus problemas, mas teme libertar-se dos mecanismos repetitivos que cria.

Aspira ao novo, porém rejeita a mudança, devido ao medo de arriscar o seu conforto supostamente conquistado.

Esquece-se de sua natureza física, que produz a ordem no caos.

Ignora o equilíbrio dinâmico da natureza que o cerca, pronta a tudo destruir, para, em seguida renovar-se em outras construções.

Desejando eternizar momentos passageiros, o ser humano procura aprisionar o tempo, cristalizando ideias, pensamentos e sentimentos que ganham "formas" e voltam-se contra seu Criador.

Não é possível possuir o tempo; ao contrário, é preciso evoluir sempre com ele, se desejamos acompanhar-lhe o fluxo renovador. Só assim o homem ficará preparado perante as infinitas possibilidades de aprender o que lhe reserva a "Sabedoria universal".

Paz entre irmãos.

Emmanuel

GESH – 28/06/2013

 

 

05. Breve estareis vivendo em "Nova Era"

Irmãos, do além chegam as vozes que explicam, com lucidez absoluta, as razões para as dores que afligem vossas almas.

Surgem, dos planos invisíveis, as orientações que permitirão atravessardes o pântano de sofrimentos que aflora dos submundos deste orbe como recurso de higienização planetária.

Do astral chegam, também, irmãos e amigos que se acercam, amorosos e protetores, tudo fazendo para amenizar vossas dores.

Porém, de onde virá a fé que vos permitirá alcançar as dádivas recebidas e os fluidos revigorantes de que necessitais?

Apenas do espírito podereis trazer a força da fé, capaz de vos colocar em sintonia com o Amor de Deus, que se derrama sobre todas as criaturas.

Tende fé, irmãos! A hora avança e a libertação aproxima-se.

Breve, estareis vivendo em nova era e a dor terá passado. Restarão as recordações e as lições aprendidas.

Jesus conosco.

Luiz Sérgio

GESH – 28/06/2013

 

06. Nós somos irmãos e convosco estaremos

O livre arbítrio ainda é o carro que guia cada criatura pela estrada da evolução.

Irmãos, ouvimos do Mestre Amado as palavras de incentivo, de esclarecimento e de orientação. Que elas cheguem aos corações humanos repletas de bondade e de amor, revestidas por Sua Presença bendita e elevadas por Sua Força transformadora.

Rogamos a toda humanidade terrena que deixe de lado as animosidades, as dissensões, as discórdias e toda gama de discordâncias intelectuais que afastam, separam e desagregam as coletividades.

Necessitamos, nessa hora, de mentes lúcidas, unidas pela força das emoções e elevadas aos sentimentos mais nobres em favor de toda a humanidade.

Que aqueles, capazes de escutar nossas mensagens, deem-se as mãos e auxiliem-se mutuamente num reforço à credulidade de nossas palavras, à veracidade do que dizemos e ao profundo respeito que guardamos por vossa humanidade.

Nós somos irmãos e convosco estamos para auxiliar-vos, até que se concretizem os planos de Deus. Pedi e as portas do socorro amigo vos serão abertas. Erguei vossos pensamentos até nós e convosco estaremos.

Paz em todos os quadrantes planetários!

Paz também em vossos corações!

Ashtar Sheram

GESH - 01/02/2013

 

 

07. O advento do Espiritismo

Salve o amor! Salve a Luz! Salve os discípulos de Jesus!

Irmãos, não podeis ainda, em vossas mentes infantis, compreender a extensão e profundidade da Misericórdia Divina.

Sabeis por que o advento do "Espiritismo" foi necessário para a humanidade?

O Espiritismo veio porque se fazia necessário dar continuidade às instruções dos espíritos renitentes nos erros, que reencarnam incessantemente para as experiências do progresso. E como aqueles que reencarnaram com a missão de mostrar aos homens a existência de um mundo além da matéria e apresentar as lições para alcançar o progresso espiritual estavam sendo vítimas da violência desses mesmos homens, fez-se necessário continuar as lições sem submeter os mestres a esse sofrimento desnecessário. Então, do Alto, das Mansões de Luz, vieram os "Trabalhadores do Cristo" preparar a humanidade para ouvir aqueles que já se encontravam mortos, pois que eles não poderiam ser novamente mortos. E suas vozes começaram a ser ouvidas por todos os cantos do planeta.

Ecoaram, em toda parte, os ensinamentos, reunidos e apresentados à humanidade na forma do Espiritismo, a Doutrina dos Espíritos. Essas lições não se encerram em si mesmas, pois foram uma coletânea de informações, apresentadas e interpretadas por trabalhadores diversos, cujas forças se concentraram na realização do Desígnio Maior, de fazer a humanidade compreender as Lições Sublimes do Meigo Jesus, até então ignoradas, como ainda hoje são.

Até mesmo as inocentes vozes das crianças que viram Nossa Senhora, Maria, Mãe de Jesus, coração em festa, em Luz, revelando aos homens e mulheres, as verdades já transmitidas anteriormente, foram deturpadas por mentes doentias.

Eu fui uma delas, minha voz foi calada pela Igreja e, na clausura, terminei meus dias. Não podeis alcançar a Misericórdia Divina, a Grandeza e Extensão do Amor de Deus. Minha voz foi calada, mas quem poderá calar hoje as vozes das centenas, dos milhares de espíritos amigos que, em socorro à humanidade, vem revelar as verdades imponderáveis da vida?

Quem poderá enclausurar os Espíritos de Luz que se manifestam, onde e como querem, cumprindo o desígnio do Criador de esclarecer a humanidade sobre as difíceis horas que vivem e que ainda viverão?

Não mais haverá grades!

Não mais haverá a violência que cala a voz da verdade!

Em toda parte, em todos os lugares onde o coração humano estiver voltado sinceramente para ligar-se ao Deus Incriado, naquele coração ecoará o som e a verdade, e a Luz se fará entre os homens.

O "conhecimento" não é privilégio deste ou daquele, porque não representa mercadoria de comércio entre as criaturas. A verdade é a presença pulsante do Mestre Jesus, Governador Espiritual da humanidade terrena. Ele, por sua vez, é a verdade expressa pelo Pai, pois este Ser Maravilhoso que tornou mais digna a nossa existência na Terra trabalha em nome de Deus e, com amor imenso, acolherá todos que desejarem abandonar os vícios, as fraquezas, as tendências negativas em favor do progresso moral e espiritual.

As vozes que clamam vossa atenção trabalham em nome d’Ele; é a voz d’Ele que escutam a chamar para a transformação íntima, para a mudança urgente da polaridade vibratória de vossos espíritos.

Deixai para trás a inferioridade, o atraso, a demência e abri vossos espíritos para receber a Luz que jorra em cascatas de amor por vossa humanidade.

Somos muitos e não mais calarão nossas vozes.

Falaremos aos vossos corações, na intimidade de vossas mentes, de vossos pensamentos.

Vinde ter conosco, irmãos, somos todos caminhantes na estrada do progresso, mãos dadas, corações ao Alto, pensamentos uníssonos, roguemos ao Criador que nos alce acima da nossa atual condição.

Em nome de Deus, do Mestre Jesus e do vosso Mestre Ramatis, apresento-me a vós como colaboradora dos planos de Transição Planetária.

Que a paz do Senhor dos Mundos esteja conosco.

Margarida - É a primeira vez que se comunica conosco?

Lúcia - Que me comunico através da palavra emitida como som, sim.

Margarida - Obrigada minha irmã.

Lúcia - Em outras oportunidades já estive convosco conhecendo vosso trabalho e manifestando-me na escrita mediúnica.

Margarida - Desculpe-me, irmã, pelo meu esquecimento.

Lúcia - Vosso espírito pertence mais às esferas além da matéria do que propriamente a esfera material. A vida em vós pulsa em outras dimensões com tanta força que já podemos vislumbrar o brilho de vossa Luz, mas, segundo a vontade do Pai, ainda deverá permanecer na matéria por algum tempo.

Margarida - Por mais algum tempo... mas, se me perguntassem: Margarida você quer ir embora? Eu diria: Perfeitamente. Largaria tudo para trás e iria embora.

Lúcia - A data de vosso nascimento nas esferas imateriais é motivo de conversas muito divertidas; apostam qual dia, qual mês, segundo vosso calendário, deixareis o corpo material para vir ter conosco no plano espiritual (*).

Margarida - Eu sei que terei dois meses de adaptação, férias; e depois desses dois meses estarei aqui novamente, claro, com a ajuda de médiuns, conversando, ajudando no que for possível.

Lúcia - Por mais que tentem, os Trabalhadores dessa Cidade Espiritual, eles não conseguem adivinhar. Tratam como grande segredo da Margarida que virou girassol.

Quando desabrochará na Cidade Espiritual Servos de Jesus?

O jardim já está preparado, aguardando o desabrochar dessa flor.

Margarida - Eu sei que um dos meus filhos, o que desencarnou primeiro, o Edilson, já está com tudo preparado, me esperando. Ele sabe que eu gosto muito de flores e de plantas, está cuidando do jardim. Muito obrigada pela presença amiga, pelas palavras confortadoras.

Neste Mundo de Expiação e Provas a gente precisa, de vez em quando, que alguém do outro lado, já com a mente equilibrada vivendo em harmonia, apareça e converse conosco um pouco.

Lúcia - Gratidão é o que devemos, todos nós, a Deus, por Sua Bondade Incomensurável, por Seu Amor Infinito, por Sua Misericórdia que não podemos ainda alcançar e compreender.

Que Ele nos abençoe, nos ampare nas tarefas que ainda teremos que realizar.

Paz e Luz

Irmã Lúcia ( do segredo de Fátima)

GESH –05/04/2014

(*) Margarida desencarnou em quinze de novembro de 2014, às vésperas de completar 91 anos.

 

 

 

08. Muitos foram chamados

Filhas amadas!

Muitos foram chamados ao trabalho, mas poucos aceitaram o sacrifício.

A Espiritualidade Maior saúda os Trabalhadores da Luz do GESJ e vem a eles unir-se na festa comemorativa de iluminação do Grande Buda.

Sem mistérios que dificultem o entendimento das verdades Superiores, o Mestre da Compaixão cumpre sua missão celeste de derramar sobre a humanidade terrena as sublimes vibrações de seu coração elevado pelo amor de Deus.

É o bálsamo da sua elevação que chega em tormentosa época, para aliviar a carga que os humanos carregam consigo. Abre-lhes as fibras conscienciais endurecidas pela renitência no erro, e ilumina-lhes o caminho da redenção, para que o percorram céleres e confiantes.

É chegada a hora de progredir. Todo ser deve acolher as dádivas dos Irmãos Maiores e seguir cumprindo a designação determinada pela Lei do Progresso, confiando que, mesmo na dor, a Providência Divina a ninguém desampara. Passada a tormenta cármica, inevitável e intransferível, o neófito se soerguerá renovado, diferente e apaziguado, consciente de que se a justiça divina o visitou, nele não morava a inocência.

Perdão é palavra sublime que, uma vez aprendida, transmuta-se em emoção de vibrações balsamizantes, cuja suavidade, ao mesmo tempo que cura, cicatriza as feridas mais fundas, tornando-as imunes à dor.

Esvaem-se no tempo os erros de ontem, abre-se novo futuro de abençoadas experiências; contudo, é no presente que se apresentam as melhores oportunidades de amar e servir, como Jesus ensinou.

Que a paz e a bondade floresçam em vossas almas, discípulas amadas, espargindo seu perfume por onde passarem.

Saudamos a todos, desejando felizes momentos junto aos Mestres da Grande Fraternidade Branca Universal, que se encontram a postos para servir à essa humanidade.

Paz sempre entre nós!

Ramatis

GESH – Festival de Wesak - 14/05/2014

 

 

09. Celeiro do Mundo, Pátria do Evangelho

Vidência:

– Vi um trabalhador de última hora – mancava e apresentava o aspecto de um anão – trabalhando nosso corpo. Ele colocava uma mangueira na direção do chacra basal de cada uma e canalizava tudo para uma mangueira única de grosso calibre, drenando toxinas de todo o sistema de chacras de nosso corpo, limpando nosso psiquismo. Recolhia tudo num balde e levava embora quando ficava cheio, substituindo por outro balde.

Em seguida, vi forte Luz na região do Nepal. Era um raio que descia sobre a montanha Sagrada, sendo direcionado para nosso Grupo. D. Margarida era a receptora daquela carga de Luz, transformando-a em raios de menor intensidade que vinham na direção dos nossos chacras coronários e inundavam nossos corpos, iluminando todo o sistema de chacras, limpando, purificando e renovando nossos canais de energia.

Uma certa quantidade da energia recebida por Margarida ia na direção do "Cruzeiro", em Mato Grosso e ele parecia incendiar ao receber a carga de energia. Imediatamente, intensa luz passava a contornar as fronteiras do Brasil. Seguiu-se mensagem de Ismael:

Irmãos, que a paz dos Mestres habite em nossos corações.

É com grande alegria que nos unimos a vós na celebração do plenilúnio de maio, aurindo as forças benéficas que nos visitam, trazidas do oriente.

Compaixão e Misericórdia suplicamos ao Pai por essa humanidade e Ele, bondoso e justo, nos agracia com muito mais.

Suprimento imenso de energia cruza o céu e adentra a psicosfera de nosso país, unindo sua chama purificadora à do Cruzeiro.

Deita-se sobre o Brasil a benção de Jesus, inundando subplanos astralinos inferiores e contaminados, cauterizando o tecido doente do astral que paira sobre a coletividade brasileira.

Essa mesma Força Luz distribuir-se-á por todos os trabalhadores que, em nome de Jesus, atuarão na assistência aos acontecimentos que breve tomarão conta da Terra do Cruzeiro.

É a esperança que bate as portas de uma nação destinada pelo Criador a ser Celeiro do Mundo e Pátria do Evangelho.

Paz entre irmãos!

Ismael

GESH – Festival de Wesak - 14/05/2014

 

 

10. Paz e bondade entre os seres humanos

Meus filhos!

Viestes renovar os votos, as forças, aurindo em minha presença o bálsamo que suaviza vossas dores. E eu vos trago junto ao meu amor, a certeza de que as dores recrudescerão.

Adormecidas estão as consciências. Perdidas de si mesmas, vagam sobre a Terra, qual corpos animados por conjunto de substâncias reagentes entre si.

Não sois apenas matéria, embora dela necessitais para as experiências que conduzem ao progresso.

Anima vossos corpos a Centelha Divina pura, alva e vibrante. Que tendes feito dela? Quanto dela vos afastastes?

Somos aqueles, destinados pelo Pai, a vos fazer acordar a memória de quem realmente sois: Filhos de Deus, Herdeiros do Mundo e Chave para a Redenção das Dores.

Para reencontrardes vossa verdadeira vocação é que vimos ter convosco, pois mergulhados na Luz que d’Ele jorra, por nosso meio, podereis despertar.

É dura a jornada que vos espera. Escolhestes viver em um período de provações intensas, pois vossas almas devedoras buscaram a oportunidade de libertação, outras vezes desprezada.

É hora, portanto, de enfrentar com galhardia a dor que bate à vossa porta. E, como a enfrentareis? Com o coração balsamizado pelo Amor de Deus, pleno de fé e renovado por Sua Misericórdia e Compaixão.

Só um caminho vos conduzirá para fora do labirinto de dores que elegestes como vosso teste final: aquele ensinado pelo Mestre dos Mestres, que rege nossa ascensão espiritual com amor indizível, que é Jesus Sananda.

Aquele que toma sua cruz e O segue, mesmo encontrando fortes e duros obstáculos, vencerá todas as dificuldades erguido pela fé e alcançará êxito em sua jornada de progresso.

Disseminar a paz é tarefa dos discípulos que nos seguem, pois são Mensageiros de nosso Amor pela humanidade.

Cada pensamento violento que se aborta; cada palavra dura que se reclusa nas cavernas do silêncio; cada ação benevolente que dessedenta o caído no caminho, é esfera do bem, que neutraliza, com força indescritível, o avanço dominador das Forças do Mal.

Filhos amados, irmãos queridos, amigos que tanto prezamos, tende fé e perseverai nas lutas renhidas do "mundo humano", pois breve findar-se-á vossa prova e, vitoriosos, serão elevados acima da presente dimensão terrestre.

Paz e bondade desejamos entre vós. Salve a Luz!

Mestre Maytrea

GESH – Festival de Wesak - 14/05/2014

 

 

11. Cumprimos ordens

Vidência:

- Na concentração, via muito fogo nas matas, casas, indústrias, carros, aviões. Era tanto fogo que parecia que a Terra estava queimando. Depois, veio a mensagem.

Não destruímos o planeta, não condenamos nossa morada ao aniquilamento, abandono e morte.

São outros ocupantes que, na sua maioria, percebemos que querem jogar a própria Casa no esquecimento.

O fogo não vem para acabar com a vida dos seres humanos; na verdade, nós já estávamos aqui antes dos usurpadores chegarem e destruírem nossa morada que o Grande Senhor nos deu.

Mas, agora, nossas mãos e nossas pernas a tudo abarcarão, e o que antes era do ingrato possuidor, voltará a ser do legítimo morador.

Nossa função é limpar, higienizar e queimar tudo de mal que vocês pensam, falam e fazem; e, com nossas chamas, purificaremos o ambiente para o Grande Senhor.

Cumprimos ordens e não serão os "destruidores da Terra" que nos impedirão de agir!

Um Elemental

GESH –Vigília-17/05/2014

 

 

12. Servir a Jesus e amar a Deus

Libertar-se do homem velho é tarefa árdua de cada indivíduo.

Em nós mesmos, o Pai colocou os recursos que necessitamos para ativar a vontade de evoluir.

Irmãos, ativai o dínamo interno de Luz que vos unirá ao Criador e trabalhai na limpeza da alma, servindo a Jesus.

A alma se libertará quando alcançar o brilho que a diferenciará da turba.

Servir a Jesus e amar a Deus é o caminho da libertação.

Caio Miranda

GESH –14/05/2014

13. Entrei no Plano Espiritual

Irmãos, foi bom ser boêmio, admirado pelos amigos e pelos festeiros do grupo. Muitas vezes, quando a vida me pressionou, tive momentos de lucidez, afastando-me das noitadas infindáveis.

Cada vez mais fraco ficava, não podendo culpar os amigos, os problemas e a família pela fraqueza, que era somente minha, e pela criatura lamentável na qual me transformei.

Daí veio o desgaste do aparelho carnal, instrumento maravilhoso que me foi doado por irmãos que me amavam e acreditavam no meu sucesso.

No entanto, faltava-me dedicar o tempo que tive na matéria a superar as fraquezas da quais era portador, por invigilância e rebeldia.

Entrei no Mundo Espiritual sem os amigos de copo, sem as mulheres que me cercavam, sem as bajulações dos admiradores.

Vi-me só, alma esmagada pela vergonha do fracasso. E o que fiz? Chorei, implorei que alguma alma boa me ouvisse e me tirasse daquele pântano de lamentações e dores.

Fui socorrido e, depois de algum tempo, encontrei-me recuperado. Foram-me oferecidas várias opções de trabalho e não hesitei. Socorro, aconselho e cuido daqueles que, como eu, achavam que a vida desregrada atraía boas companhias e a simpatia das pessoas.

Trabalho incessantemente por aqueles que passam hoje por aquilo que passei em tempos idos, para que seus erros fiquem na Terra e que esta os absorva. Que, ao retornarem ao Mundo Espiritual, abram seus olhos e enxerguem um mundo de Esperança, de Luz e de Paz.

Noel Rosa

GESJ – Reunião Pública - 20/05/2014

 

 

14. O amor que a tudo vence

Irmãos amados! Eis que venho arregimentar o Exército que deverá confrontar as Forças das Trevas que intentam contra a humanidade.

O tempo das experiências libertadoras chega ao fim, trazendo como última oportunidade o renascer das consciências para um outro mundo, para uma nova realidade.

Bem sabeis que a dor e o sofrimento serão os precursores das transformações necessárias a serem operadas na condição humana.

Não é nossa, a escolha do vosso sofrimento, mas é a vossa colheita da larga semeadura que realizastes contra as Leis de Deus.

Agindo firmes e determinados, os Trabalhadores do Bem, Seareiros da Luz, envolvem a todos os habitantes deste planeta, inspirando-lhes e intuindo-lhes as ações acertadas para essa hora.

Indistintamente, todos os filhos de Deus recebem Dele um presente de Luz capaz de guiá los para fora do nevoeiro denso que se abate sobre a humanidade terrena.

Uma vez mais - e em definitivo - sereis provados, e o apelo que vos fazemos é para que em vossos corações conserveis o amor que a tudo vence, sendo a arma perfeita para ser utilizada ante das feras hediondas que avançam sobre vós.

Perdoando aqueles que vos feriram, encontrareis a imunidade contra as feridas do presente.

Não vos deixeis abalar pelas estrondosas modificações que a crosta terrestre passará; são "forças da natureza" reagindo às enormes cargas de energias deletérias acumuladas e deflagradas por vós contra a estabilidade de sua composição psicofísica.

Não é maior do que o Amor de Deus, a força da natureza que Ele criou; e junto a vós, esse amor preservará os puros de coração, os mansos e os dedicados ao bem.

Que a paz, este estado inenarrável de angelitude, possa habitar a vossa intimidade humana, convidando-os ao salto evolutivo em direção da condição angélica que vossos espíritos almejam, conforme determina a lei Maior.

E quando o recrudescimento das dores despertar em vós o desânimo, a aflição e o desespero, lembrai-vos de aguentar a vossa cruz como Eu suportei o peso do madeiro infame, sem supor haver sido abandonado pelo Pai.

Ainda que os homens bradem a revolta de seus corações contra o Criador, que não se turbem vossas almas e testemunhem a presença excelsa d’Aquele que vos guia com amor infinito, deixando sobre a Terra o registro de que Nossa passagem por entre os seres humanos representou a Força do Amor de Deus transformando suas vidas.

E, ao final do período destinado à limpeza e ao saneamento do Planeta Escola, estaremos reunidos novamente, para nos confraternizarmos pela vitória alcançada.

Que a paz esteja conosco.

Mestre Jesus Sananda

GESH – 17/05/2014

Endereço para correspondência: Margarida Pinho Carpes (p/ o "Grupo Espírita Servos de Jesus") Avenida Santa Leopoldina, nº 51, Bairro Itaparica, Vila Velha/ES CEP: 29.102-040

Endereço para assistir as reuniões: Rua Hermes Curry Carneiro, nº 215, Bairro Ilha de Santa Maria, Vitória/ES CEP: 29.053-221

Dia e hora: Terças- feiras às 14h e quintas-feiras, às 19h30min. Para os que pedem orientação, no sentido de colaborar conosco, comecem por tirar cópias das nossas mensagens e passá-las para outras pessoas.




RETORNAR ÀS MENSAGENS E DIVULGAÇÕES
ENTRE EM CONTATO CONOSCO AGORA MESMO!
Todos os direitos reservados ao Grupo Espírita Servos de Jesus | 2017
FBrandão Agência Web