999

Para onde vamos?

25/06/2007

      A+ A-


Muitas pessoas inquirem quanto ao seu destino após a morte do corpo físico.

Padecerão indefinidamente após arremessadas ao fogo do inferno, como propõem certas seitas, face aos pecados cometidos ao longo da vida, ou granjearão a bem-aventurança eterna pelos supostos méritos adquiridos numa única existência, como são induzidos a crer?

Por razões óbvias, afirmamos: nem uma alternativa nem outra.

A suprema bondade, a excelsa misericórdia e as justas leis emanadas da divindade não permitiriam que assim se desse, de vez que a lei maior, que rege o universo, é a do amor.

Mas se queres mesmo tomar conhecimento do que te espera, quando teu corpo físico descer à sepultura e teu espírito despertar nas regiões mais sutis de uma nova dimensão a que estarás submetido, faças uma viagem ao interior de ti mesmo e perquira sobre tua verdadeira identidade espiritual.

Quem és, em que pensas e como ages em tua intimidade, quando a sós, te permitirás encontrar teu verdadeiro eu, analisando as atitudes e os pensamentos que só a ti pertencem.

Não penses que encontrarás o céu ou o inferno definitivos como te propuseram, o sofrimento ou a glória eterna, mas sim, uma realidade diferente, com momentos de extrema angústia ou maravilhosa sensação de paz, dependendo apenas de como direcionaste a caminhada, na utilização do livre arbítrio concedido para o teu progresso num pequeno espaço de tempo a que chamas vida e que nada mais significa que um minuto em tua eternidade.

Aproveita pois os recursos e oportunidades colocados à tua disposição, preparando para ti mesmo um futuro de paz e harmonia na vida que se inicia logo após essa vida de luta e sacrifícios que ora vives.

Que o amor do Pai Amantíssimo te auxilie, hoje e sempre.

Amadeu

GESJ - 14/06/2007 - Reunião Pública - Vitória, ES - Brasil




RETORNAR ÀS MENSAGENS E DIVULGAÇÕES
ENTRE EM CONTATO CONOSCO AGORA MESMO!
Todos os direitos reservados ao Grupo Espírita Servos de Jesus | 2017
FBrandão Agência Web