45

Divulgação 45

27/10/2007

      A+ A-


Leitores amigos, irmãos em Jesus.

Mais um boletim, trazendo para vocês notícias do que se passa no mundo astral, pois dos acontecimentos do dia-a-dia, todos nós já estamos fartos de saber.

Enquanto eu estiver no físico, essa pequena contribuição em favor da Transição Planetária estará presente de 3 em 3 meses.

Que o Meigo e Amado Rabi da Galiléia nos dê forças para vencermos os obstáculos do caminho como verdadeiros atletas espirituais, "correndo atrás" do ouro da paciência, da coragem, da renúncia, da resignação, do amor, da tolerância e "outras modalidades", atributos da alma.

Este número contém:

1 – As mensagens restantes do Festival de Wesak;

2 – Correspondência recebida: o outro lado da moeda;

3 – A laboriosa e dedicada Equipe Médica do GESJ;

4 – Nossos Irmãos das Estrelas;

5 – Em nome do Cristo, novamente aqui estamos. Os Apóstolos de Jesus.

 


1° Tema – As mensagens restantes do Festival de Wesak

Já somos um só povo

Vidência: Aproxima-se de nós, no momento do mantra, uma linda mulher, que chega volitando e carrega no braço uma cesta cheia de pétalas perfumadas de rosas. São presentes plasmados por trabalhadores e amigos.

Ela circula nosso grupo, entoando conosco o mantra. Sua voz é melodiosa, seu mantra parece um cântico diferente e seus movimentos, uma dança que evolui no ritmo do canto. É como se seu corpo inteiro cantasse.

Na medida que vai cantando e bailando, lança sobre nós as pétalas que trouxe. Elas caem suavemente e, quando tocam nosso corpo, são absorvidas. Nessa hora, emitem uma fagulha de luz. Após, recebi a mensagem:

Saudações, irmãs terrenas!

Fluidos de paz e harmonia vos enviam as hostes de Luz, alegres por mais este encontro que reafirma nosso compromisso de trabalho na Seara do Cristo.

Já somos um só povo, uma só nação, sem fronteiras terrenas ou extraterrenas, governados por um só Deus. Em Seu filho amado, Jesus, o Nazareno, confiamos o governo de nossas almas.

Salve a Luz! Salve Wesak!

Eliadne (Ser de Vênus), em 02/05/2007


Os muros altos de hoje

Saudações fraternas!

Os muros altos ainda vos protegem, mas dias virão que nem mesmo eles serão barreiras para o ataque das feras.

É preciso erigir no plano invisível os muros de proteção magnética, únicos realmente capazes de deter a fúria insana da "Fera" enlouquecida: Cultivar um coração amoroso, bom e justo, impedindo que baixas vibrações ali se instalem, é conseguir criar a "usina de forças" capaz de fazer subirem os muros invisíveis da proteção espiritual. Mas só a prática desinteressada do amor ao próximo poderá fazer subir as paredes protetoras.

Irmãs, envidai todos os esforços possíveis no sentido de elevar vosso padrão vibratório, porque, incubados nos berçários da loucura, as feras apoderam-se, dia-a-dia, de maior carga de violência.

Ranieri, em 02/05/2007

Canal: Mentalmente, perguntei se era Ranieri Matias o irmão comunicante e ele disse que não. Então, concluí que seria o Ranieri autor das obras: "O Abismo", "Sexo Além da Morte" e outras. Ele captou minhas conjecturas e disse:

Chamo-me Ranieri e sou aquele mesmo que, tendo recebido auxílio e orientação do Mais Alto, conduziu muitas mentes à reflexão das realidades imponderáveis da vida.

P - Por que estais aqui?

R - Venho atendendo o convite do Conde Rochester, conhecido meu de velhos tempos e do amigo recente Ranieri Matias, que se encontra afastado do Grupo para tratar de assuntos de estudos profundos.

P - Esse convite diz respeito a algum trabalho específico em nossa Casa ou trata-se de cordial visita?

R - No Além, aproveitamos a cordialidade para estabelecer vínculos de trabalho, por já termos compreendido que só pelo trabalho ascendemos na escala evolutiva dos mundos.

Ranieri, em 02/05/2007

Obs: Ia continuar a conversa, mas veio uma ordem mental para que parasse.

Dessa vez comemoramos o Festival de Wesak numa área a céu aberto, porém cercada por muro alto, com receio de sermos assaltadas, pois terminamos nossas preces depois das 24 h. Daí a mensagem: "Os muros altos de hoje".


Destruindo um laboratório maligno no astral inferior

Vidência: Saí do corpo e vi-nos cercadas de soldados da Luz. Eles estão nos conduzindo por campos de arroz. O mato é alto e o chão está alagado. São soldados, estão uniformizados, armados e falam um estranho dialeto entre eles. A fisionomia lembra o povo oriental, talvez chineses.

Tudo é muito rápido, como se a zona que atravessávamos fosse muito perigosa. Tenho mesmo a impressão de que eles estão nos protegendo além de conduzir-nos. De fato, sinto vibrações muito pesadas no local.

Ao longe, como que cravada no céu, vejo a Montanha Sagrada e, de lá, eflúvios de paz, vindo em nossa direção, nos acompanham.

O campo é amplo e parece não existir nada ao redor. Tento pensar onde estamos, buscar alguma referência, mas nada consigo.

Cada uma de nós está acompanhada de perto por um desses soldados.

Chegamos a uma margem. Margeando o campo, há uma borda de terra seca que forma um círculo. A circunferência é imensa; de onde estamos, não consigo ver se há alguém na margem oposta.

Logo após, percebo a proximidade de alguém do GESJ. Parece ser o Conde Rochester.

Continuo captando que estamos sobre algum reduto subterrâneo artificial negativo. Não nos é permitido reconhecermos o local onde está situado.

A Montanha Sagrada que vejo ao longe é somente uma projeção; ela está muito mais longe dali, não dá pra vê-la. Fizeram a projeção para que pudéssemos vê-la e mentalizar sua energia para ajudar-nos nesse trabalho.

Pela movimentação, parece que vamos estourar de surpresa, um reduto negativo, aproveitando as energias do Festival de Wesak.

Nesse momento fico na dúvida se essa ação está acontecendo, ou vai acontecer. Alguém responde a minha dúvida:

"Preparação agora, com o corpo mental inferior. A ação será durante o sono".

P - Quem fala?

R - No comando da operação, vosso irmão e amigo, Rochester.

A borda que viu é a demarcação feita pelo Exército da Luz para identificar do Alto as dimensões da "Cidade Negra".

Naves batedoras ficarão de plantão sobre o local, pois não sabemos se há saídas para a superfície que possam ser acionadas em caso de emergência. Havendo, deverão ser destinadas aos Comandantes da área que serão surpreendidos, abatidos e capturados pelo campo magnético das naves que ficarão de guarda.

P - E nós?

R - Entraremos

P - O que esperamos encontrar?

R - A ordem é desarticular esse Posto de Comando, abater os inimigos, aprisionar os chefes e libertar os prisioneiros.

Se houver feridos, será acionada a equipe de medicina nuclear e feita a triagem para atendimento imediato ou encaminhamento para o hospital da Colônia ou Naves Hospitais posicionadas estrategicamente próximas da Montanha Sagrada.

P – Mas, meu irmão, ficaremos até depois da meia noite no Festival de Wesak.

R - Podereis ficar, como de costume, vosso tempo difere do nosso. Mas após, recomendamos voltarem aos seus lares para o repouso físico que permitirá maior acuidade na liberação de vosso corpo mental.

Rochester, em 02/05/2007


É certa a vitória da Luz

Vidência: Atravessamos um campo de arroz, descemos por uma fenda na terra seca, por fora do anel que circunda o campo. Há muitas aranhas e pequenas cobras bastante ágeis, deslizando sobre o solo. Não pisamos no chão, ficamos penduradas por cordas.

De onde estamos penduradas, o lugar parece não ter entrada, nem portas, nem janelas, mas dá pra ver que à frente existe uma redoma com movimento em seu interior.

Percebe-se movimentação lá dentro, porém o silêncio é sepulcral. Há um clima de tensão no ar.

Espíritos Superiores, acho que médicos, reúnem nossos "fios de prata" e prendem todos unidos e depois nos preparam de alguma forma, que não sei explicar. Do Alto, correndo por um fio invisível, desce um raio de luz azul e atinge o conjunto de nossos cordões que agora parece um só. Dele, a energia é distribuída para cada uma de nós de maneira diferente, porém com a mesma força.

Nossos corpos entram num estado diferente que não sei explicar. Ficam mais vivos, mais fortes no plano em que se encontram.

Sentimos menos a pressão negativa externa e a tensão se converte em força.

Há soldados posicionados em volta da cidade e naves estão de prontidão sobre o local. Nenhum trabalhador toca no chão. Alguns conseguem volitar e parar no ar. Acredito que sejam os médicos do GESJ; estão trabalhando nossos corpos e cordões de prata. Acho que entre eles há também médicos extraterrestres.

Agora, parece que estão estendendo uma fina rede dourada em volta da cidade. Alguns trabalhadores vão ficando de pé sustentando a rede em certos pontos. Eles também volitam, não tocam o chão.

A concentração de todos é imensa. Nenhuma "sentinela das trevas" ali se encontra. Acho que as aranhas e cobras são os guardas do lugar, pois ninguém notou a movimentação intensa ao redor da cidade.

O Conde se aproxima e informa que ao sinal de uma trombeta, invadiremos o reduto. Ele esclarece:

As naves derramarão forte luz que, sobre nós nada fará, mas romperá o sistema de segurança da cidade. As sentinelas são formas-pensamento e larvais e serão pulverizadas. A fina rede, tecida do duplo do ouro, reterá, no campo de batalha, os que tentarem escapar, circunscrevendo a luta a um só lugar.

Derretendo-se as paredes com a potência do magnetismo das naves, todos serão abatidos, recolhidos e encaminhados.

Qual bactérias nocivas à saúde planetária, os laboratórios trevosos constituem verdadeiro cancro na crosta terrena, a emanar energias pútridas. Vão abastecer-se de suas emanações, espíritos encarnados e desencarnados, haurindo o ar infestado de larvas e odores exalados, estabelecendo um intercâmbio infeliz, que só renova as forças do ódio violento, estimulando ataques e convulsões na superfície da Terra.

Assim como um tumor infectado, que ao transbordar comprometeria toda a região do corpo onde nasceu, também esses "laboratórios" transbordando energias negativas, encontram-se maduros para romper na superfície, disseminando mais guerra e dor, violência e terror.

O Pai, sábio e justo, permitiu até o último momento que o conjunto de seres ali reunidos despertasse. Eflúvios de amor em ondas magnéticas, enviadas constantemente, procuraram, em vão, acordar os rebeldes. Agora é imperativo socorrer os prisioneiros e os rendidos que aspiram mudança.

É chegada à hora de romper o cancro e drená-lo até a última gota de pus, cauterizando em seguida o local.

Avante, guerreiros! O Pai nos convoca!

Jesus nos comanda! É certa a vitória!

Rochester, em 02/05/2007


Buscai a Paz pela igualdade de direitos e deveres entre todos os seres humanos

Vidência: Vi uma cruz flutuando no ar, era feita de ferro. De repente, ela se incendiou e o ferro começou a retorcer-se. Gargalhadas foram ouvidas. Então chega voando uma águia, trazendo água no bico. Derramou-a sobre a cruz em chamas. O fogo apagou-se e, no lugar da cruz, os ferros retorcidos agora formavam um grande coração.

Vidência: Vi elefantes, creio que eram indianos, pela ornamentação que traziam. Estavam ricamente enfeitados. Subiam a montanha com hindus. Reconheci neles algo familiar e senti-me entre os meus. Aproximou-se de nós um homem que me parecia conhecido. Custei a reconhecê-lo, pois se apresentava bem mais novo. É dele a mensagem a seguir.

Irmãos!

A paz que desejam, não virá como pensais. Mesmo assim, devereis perseverar no exercício de dar e receber a paz.

Somente quando fordes capazes, através da compaixão, de compreender o semelhante sem julgá-lo e, muito menos, condená-lo, sereis credenciados a habitar orbes mergulhados na paz.

Enquanto estiverdes sobre a Terra, buscai a paz pela igualdade de direitos e deveres entre todos os seres humanos, sem distinções.

Direcionai vossos esforços para a redução dos imensos abismos que criastes entre irmãos.

Alcançar o estado de paz é colocar-se inteiramente a serviço dela.

Gandhi, em 02/05/2007


Só a dor redimirá os faltosos renitentes

Irmãos, o Buda da Compaixão derrama sobre nós sua Luz misericordiosa. O Senhor dos Mundos apieda-se da humanidade, concedendo forças tonificantes nessa hora grave.

Espalhai, ao redor, a força-luz que recebereis e, em ato de gratidão, distribuí de graça o que de graça recebereis.

Muitos são os necessitados nesta hora e todos aqui presentes trazeis os corações abertos a receberdes extraordinária carga de energia que deverá ser compartilhada com vossos semelhantes.

Só o amor resgatará os caídos.

Só a dor redimirá os faltosos renitentes.

Trabalhar, trabalhar, trabalhar.

João Batista, em 02/05/2007


A Caravana de Maria

Vidência: Vejo a projeção belíssima do Mestre Jesus e Sua energia nos cobre.

Vejo Maria em uma carruagem de luz, acompanhada de seus trabalhadores, formando a Caravana de Maria. A carruagem sobe e sobrevoam uma cidade brasileira. Descem sobre presídios e entram atraídos pelos pensamentos suicidas. Recolhem espíritos, balsamizam encarnados sofredores. Presos agonizantes podem vê-los e suas presenças facilitam o desenlace do espírito do corpo físico daqueles que ainda permanecem muito impressionados com a própria morte.

Quando vão embora, a carruagem leva consigo muitos espíritos recolhidos naquelas celas. Em seguida veio a comunicação:

Do Vale dos Suicidas, dirigimos nossos esforços àqueles que, reunidos em grande número nas celas infectas, contaminam-se mutuamente com as larvas do desânimo e do desespero.

Concedeu-nos o Excelso Senhor, a graça de levar aos aflitos, confinados como animais, um pouco de conforto e luz.

Breve, tudo estará acabado e enquanto a hora não chega, trabalharemos atenuando o sofrimento alheio.

Paz em Jesus!

Caravaneiro de Maria, em 02/05/2007


A Montanha Sagrada

Peregrinos de todas as partes do Mundo caminham em corpo físico ou espiritual, na direção da Montanha Sagrada. São romeiros que se colocam, voluntariamente, na romaria da redenção espiritual.

Curiosos, atraídos pela intensa atividade, aglomeram-se e, sem querer, são igualmente beneficiados.

Não se vêem mais, apenas monges ou ermitãos. De todas as partes, chegam espíritos das mais diversas crenças religiosas. Estão todos em busca de Luz, que necessitam, como nós, do ar para respirarmos.

O mais comum é que são dirigentes de várias religiões e seguidores das principais seitas do Mundo.

Depois ouvi as seguintes palavras:

Irmãs, saudações em Cristo.

Cada qual em seu estágio evolutivo, enxerga a direção e aproxima-se de uma parte da Montanha, buscando respostas para a turbulência dos dias em que vivem. Todos, sem exceção, que trazem no coração intenções verdadeiras, levarão consigo as energias renovadoras de que necessitam para distribuírem com seus fiéis.

Há, nesse Festival, mais do que nos anteriores, um congraçamento de crenças ainda imperceptível pelos representantes religiosos, mas que ficará gravado em seus inconscientes, despertando lentamente, impulsionando-os para que, no nível da consciência, suas mentes compreendam que é tempo de dar as mãos, sobrepujando preconceitos e rivalidades.

Compreenderão, embora tarde, quão pequeninas são as diferenças que os separam, diante da imensa dor que os unirá.

Salve o Plano Divino que esparge sobre todos a luz do progresso!

Rampa, em 02/05/2007

 


2° Tema – Correspondência recebida: o outro lado da moeda

Na Divulgação 44, transcrevemos uma carta, recebida de um assíduo leitor, sem o identificarmos. Escrita por uma mente equilibrada, harmonizada, em suma, "de bem com a vida".

Nesta, apresentamos um e-mail, emerso dos porões de uma mente em desequilíbrio, "de mau com o Mundo".

Nunca vi, ou melhor, nunca li, tanta asneira junta. É um verdadeiro "Festival" de Besteiras e incoerências. Creio mesmo que, no fundo, é um grito de uma alma que se afunda lentamente, num deserto de areia movediça de orgulho, de rebeldia, de egoísmo, de inveja e de outros atributos negativos.

Infelizmente, esse tipo de pessoa constitui maioria no mundo atual. Daí a necessidade urgente da renovação, da Transição do Planeta. A erva daninha alastra-se rapidamente, sufocando, matando as outras plantinhas. A Misericórdia Divina não mata as ervas daninhas, simplesmente transplanta-as, cuidadosamente, para áreas compatíveis, adequadas ao seu crescimento.

Leiam-na e tirem suas conclusões. Foi transcrita na íntegra.

"Olá!
Eu não sei o que acontece, e eu não sei se vocês já perceberam, mas eu acho que esse tal mestre Ramatis quer fazer vocês de idiotas. Vocês perguntam algo pra ele e o tal nunca responde, só enrola, enrola, enrola, e enrola.. é só uma verborragia que não tem nada a ver com o que foi perguntado. Isso é gritante. Ele está chamando, vocês, os canais de burras ou qualquer coisa do tipo - porque vocês nunca indagam as respostas absolutamente relação com o que é perguntado. Se fosse comigo, esse mestre estaria em maus lençóis, pois as coisas devem ser diretas e claras. Eles dizem que trazem o esclarecimento, mas eu só vejo nuvens nessas respostas medíocres, absolutamente medíocres. É engraçado esse quadro, pois eles mesmos dizem muitas coisas dualistas. Eu estudei por 10 anos toda a filosofia e misticismo Oriental. Li 10 mil livros ao longo de uma busca espiritual muito árdua até que cheguei em uma parada completa, graças a grandes mestres que muito me ajudaram, como o Rasul, e principalmente Osho Rajneesh, eles me mostram o caminho para a liberdade completa. Poderia colocar aqui argumentos muito mais específicos e concisos, e esclarecedores acerca da realidade da consciência (que é o que realmente importa), que esses tais mestres mal apresentam. Eles só vem pra depositar mais dualidade nas mentes dos humanos. Se baseiam nas palavras cristãs, e até mesmo num dos livros que contém mais mentiras em toda a história - a bíblia, e eu sei porque fiz um sério estudo sobre ela. A bíblia, é claro, quase nada tem a ver com o mestre Jesus, que nos deixou legados realmente importantes, como o evangelho segundo Tomé, não reconhecido por isso que nós chamamos de igreja católica. Deixou outros legados contemporâneos como Um Curso em Milagres, que quase ninguém conhece, e que veio para apagar toda a mentira da bíblia. Só alerto para o fato de que possivelmente vocês não estejam fazendo a coisa mais correta, são esforçadas, mas a dualidade não tem que ser sustentada e sequer citada, ela deve ser completamente banida e anulada. Eu sugeria para que fossem mais críticas nesses contatos espirituais e que sugasse realmente o que é valioso para o desenvolvimento da consciência humana, já que eles são tão evoluídos. Mas estas respostas são muito fracas, elas só podem satisfazer ao medíocre, não ao inteligente. Elas não nos impelem a achar a grande resposta para a grande pergunta: "Quem sou eu?" só essas três palavras deveriam ser trabalhadas. Vocês e esses mestres só se preocupam com o coletivo e esquecemdo indivíduo - pois a realidade está apenas no indivíduo. E a realidade da verdade só pode ser reconhecida descobrindo a resposta para "quem eu sou". A caridade cristã peca muito nesse quesito porque a vida humana tem facetas bem profundas. O indivíduo não pode sair por ai ajudando se ele ainda está perdido consigo mesmo - ele ainda não mudou, nada aconteceu em sua psicologia, em sua consciência.. Não existe esse negócio de alguns selecionado da direita do cristo trabalharem para a "seara do bem". Isso é absurdo! Mesmo porque bem e mal são faces de uma mesma moeda. Na verdade, não existe bem e mal, existe apenas consciências experimentando tudo o que há para ser experimentado na existência. O que deveria ser feito é ensinar a transcender essa dualidade falsa e ilusória, e não lutar contra algo que não existe. Me lembro do genial filme Clube da Luta... "você tem que parar de lutar. Clube da luta não é sobre ganhar ou perder"; "só depois de perdermos tudo é que estamos livres pra fazer qualquer coisa." Eu transcendi e falo isso por experiência pessoal, não é uma crença minha, é simplesmente o fato da vida que experimentei. Sim, esse deveria ser um dos critérios pra se alcançar a liberdade e o amor da unicidade que nos abarca - anular os opostos. A bondade não é virtude, mas a negação do oposto da bondade nos capacita a  reconhecer uma condição na qual os opostos não existem. É uma questão de ir além.
Tenho consciência que temos várias coisas em andamento no planeta, mas trabalhar a consciência deveria ser a questão fundamental, não ir direto pra fora dando uma de madre Teresa ou São francisco. Deveria ser trabalhado a psicologia do indivíduo acima de tudo.
Bom eu queria apenas dar esse toque e espero que vocês considerem essa crítica como algo construtivo, pois a minha parte individual eu já fiz, não tenho mais nada a alcançar nesta esfera, foram dez anos de intensa busca espiritual e muita meditação, uma continuação do que começei muitas encarnações atrás.

NAMO LOYE SAVVA SAHUNAM NAMO NAMO! OM SHANTI!"

Recebida em maio de 2007

 


3° Tema – A Laboriosa e Dedicada Equipe Médica do GESJ (Grupo Espírita Servos de Jesus)

Embora o GESJ não tenha sido fundado com o objetivo de "cura", desde o início de sua fundação, fui avisada de que um médico, do plano espiritual, com o pseudônimo de Dr. Cruz, iria trabalhar no Servos de Jesus. E assim tem sido ao longo de quase 37 anos de existência.

Logo que conseguimos ter sede própria, destinamos um pequenino quarto com uma caminha para as pessoas que chegavam doentes ali repousassem calmamente durante 10 minutos, sem que pessoa alguma do plano físico ali entrasse. Assim permanece até hoje, com alguns acréscimos, ou seja, faz-se primeiro a desobsessão e em seguida, conforme o caso, um médico da Equipe (hoje são muitos) determina o tratamento espiritual.

Os resultados têm sido surpreendentes, mesmo para os casos incuráveis, pois aliviam os sofrimentos físicos.

Assim caminha a humanidade

Na busca desenfreada pelas realizações materiais, as criaturas, muitas vezes, perdem a noção de limites e o senso direcional do Norte evolutivo.

Nesse descontrolado viver, satisfazendo os desejos materiais e as vaidades tolas, criaturas que não são más, ao contrário, possuem religião, a freqüentam e se doam, constroem dentro de si uma falsa realidade, uma frágil e superficial fé. Quando os dissabores da vida batem-lhes à porta, tornam-se detonadores psíquicos desencadeantes de distúrbios e desequilíbrios orgânicos, muitas vezes, fatais.

Os irmãos que assim procedem, não conseguem juntar numa só, a vida da matéria ou material, associando-a às noções de religiosidade que trazem, para transformação desejável e duradoura, que fortalece a alma, justamente, no enfrentamento das vicissitudes inevitáveis. Caem nas malhas do desequilíbrio psíquico e orgânico enfraquecidos, confusos e com a frágil fé abalada.

É mister que superem a fragilidade íntima, encarando as dificuldades como provas cabíveis de serem superadas; renovando sua fé e confiança no Criador, buscando vagarosamente o reequilíbrio.

Infelizmente, para a maioria que entra na faixa do desequilíbrio orgânico, a mente fica anuviada, os sentimentos de insegurança e medo a dominam e não encontram mais, forças para lutar. Teriam que encontrar energias extras para superar a crise, todavia, não possuem a vontade firme para tentar.

Não estão jamais abandonados pela Força da Luz, mas o descontrole não permite que acessem novamente as Faixas Superiores que poderiam socorrê-los.

Assim caminha a humanidade, entre tropeços, ilusões e quedas.

Dr. Lucas, em 19/01/2007

(Pseudônimo de um dos médicos que compõem a valorosa Equipe Médica do GESJ)


Doenças Cármicas

Muito se tem visto, quanto à imensidão de patologias materiais-espirituais que são afloradas todos os dias em vosso plano.

São patologias cármicas, ou seja, de resgates.

São patologias depurativas como o câncer, por exemplo, onde se sabe que uma torrente de fluidos tóxicos desce ao corpo físico, como forma de alto pagamento, como dizem, em vossa linguagem. E assim, descida a carga expurgatória de forma intensa, com o perispírito mais leve, pode esse espírito galgar novos degraus futuros.

A realidade e a carga de sofrimento de algumas doenças cármicas como o câncer, o lupus, o pênfigo, as artroses, algumas patologias musculares paralisantes e outras, as dores são intensas, às vezes até desesperadoras, sendo realmente atenuantes nessas situações, a fé, a resignação e os bálsamos salutares que alguns poucos recursos poderão oferecer, como os tratamentos espirituais, de searas sérias, com trabalhos compromissados com o Mestre Jesus e Seus Seguidores.

Os medicamentos alopáticos são puramente paliativos, com tempo determinado de ação, restando apenas a verdadeira conscientização e entendimento das origens dessa dor. A mudança íntima, a renovação de conduta, pensamentos e sentimentos são os únicos recursos para sua reparação e cura.

Outras patologias menos comprometedoras, perispiritualmente falando, como as atuais viroses, as infecções agudas, etc..., estas podem ser explicadas por desregramentos do ser humano, como os descuidos alimentares, os vícios, como abusos do álcool, fumo, drogas e carnes animais, a prática abusiva dos prazeres do sexo, sendo essas conseqüências detonadoras de inúmeras doenças materiais.

E como desfecho dessa bela oportunidade que tive de tentar auxiliar com nossos humildes conhecimentos científicos, os encarnados, que na grande maioria se encontram adormecidos na sua consciência corpore-espiritual, acrescentamos:

Saúde da mente, gera saúde no corpo.

Espírito atento, desperto para os verdadeiros valores, recebe a graça do corpo material saudável.

A tela mental de cada ser recebe imagens condizentes com sua contextura espiritual. Muito temos presenciado entre os encarnados, que as doenças geradas em suas mentes são ligadas a sentimentos hostis e todo tipo de negatividade.

Procurem entender que, com exceção das doenças cármicas que são empreitadas programadas para o espírito e sua depuração, inúmeras outras doenças do presente ocorrem por desequilíbrios psíquicos, sentimentos e atos errôneos.

Portanto, corpo que não adoece, é porque tem a mente "limpa" e o espírito tentando melhorar-se em todas as oportunidades.

Que nosso Pai, Sábio e Amado, desperte-os para a trajetória ascensional do amor, da saúde e da luz. Paz a todos.

Dr. Lucas, em 24/04/2007


Recomendamos Renovação Íntima

A medicina espiritual que praticamos neste caso, procurou reunir conhecimentos milenares da "fisiologia perispiritual". Os médicos e assistentes reunidos aqui, nesse corpo médico, foram escolhidos e preparados com reativação de suas memórias pregressas, onde nas encarnações diversas por eles já vividas, as práticas da cura estiveram presentes.

Ao longo dos anos, fomos aprimorando as técnicas de socorro e cura, de acordo com as demandas que surgiram e com as orientações recebidas das Esferas Superiores que nos possibilitaram intercâmbios extraordinários com ciências de civilizações muito mais avançadas que a nossa.

Quis a Providência Divina que, mesmo não se tratando de uma Casa de Caridade especificamente destinada à cura, pudéssemos desenvolver aqui aparelhagem capaz de auxiliar muitos espíritos encarnados e desencarnados.

Somos imensamente gratos pelo labor a nós ofertado, pela presença amiga dos trabalhadores da esfera física que emitem vibrações e energias das quais necessitamos. Da confiança em nosso trabalho invisível e na coragem de todos que, fortalecidos na fé, entregam-se confiantes ao tratamento que prescrevemos.

Só o concurso fraterno, aliado à fé, pode curar, como nos ensinou o Mestre Adorado, quando dizia: "Vá e não peques mais! A tua fé te curou."

Nas sábias palavras do Mestre, encerram-se os mais preciosos medicamentos que somente o espírito doente pode produzir e através dos quais poderá se automedicar.

Renovação íntima, abandono das práticas antigas e fé.

Nós somos apenas instrumentos do Criador, conduzindo os fluxos de energia corpórea pelos caminhos mais apropriados ao pronto restabelecimento de cada um.

Através desse trabalho, também nós somos curados das faltas cometidas no passado e renovamos nosso compromisso e amor incondicional ao próximo.

Paz a todos. Unidos no amor despedimos-nos.

Dr. Cruz e sua Equipe Médica, em 23/05/2007


Sofreis hoje a dor que fizestes outros sofrerem

Vidência: Vi em outro orbe, irmãos plasmando células-matriz para produção de próteses a serem utilizadas no hospital existente na Colônia Espiritual Servos de Jesus. Após, recebi a mensagem:

Irmã, bem sabeis tratar-se vosso caso de resgate cármico inevitável. Igualmente sabeis que sois amorosamente atendida e que todos os meios disponíveis nesta Casa são aproveitados no acompanhamento de vossa saúde.

Vindos de outros orbes, chegam constantemente materiais que plasmamos para cirurgias de preenchimento, não apenas de ossos, como no vosso tratamento, mas também de outras partes do corpo, de órgãos visíveis como a pele, através de suas matrizes perispirituais.

Sabemos da vossa necessidade de tratamento no plano físico, mas devemos lembrá-la que a serenidade é melhor conselheira do que a ansiedade.

Estais atravessando o núcleo mais denso da prova e ainda por algum tempo sentireis a opressão da consciência culpada, relembrando-vos que a dor de agora decorre das dores que fizestes outros sofrerem.

Não obstante seja dura a prova, tudo passará e, vitoriosa, encontrareis a paz daqueles que aceitam o amparo do Divino Jesus.

É parte do caminho redentor realizar as escolhas que alçarão o viajante para fora do turbilhão nebuloso.

Não esqueçais que seguimos ao vosso lado ainda que não possais enxergar-nos.

Vossos amigos e irmãos

Orton, Ortan e Ortanine, em 17/07/2007

(Médicos do Órion que colaboram há muitos anos no hospital do GESJ)


Resgate Familiar

É chegado o tempo em que os erros do passado precisam ser corrigidos. Para alguns, é tempo de dor e sofrimento e, sob esse aspecto, debruçam-se, lacrimosos, muitos transeuntes terrestres.

Para outros, o tempo é de sacrifícios em favor da reconciliação, outra forma de enfrentar os mesmos padecimentos que alcançam a todos.

Depende de cada ser, impregnar seu olhar dos sentimentos de desespero ou esperança, conforme a disposição dos sentimentos que existem em seus corações.

Podemos afirmar que as dores de hoje decorrem dos equívocos do passado e devem ser encaradas como remédio amargo, que cura a doença da alma.

No caso desse resgate familiar, há uma convergência de fatores que predispõem um afluxo intenso de energias deletérias, atacando todos os envolvidos.

Muita paciência, resignação e coragem.

Revidar o mal com o bem. Quanto mais o chicote da adversidade açoitar as fragilidades da vida humana, mais esses espíritos devem prostrar-se diante do Pai, suplicando perdão e ofertando, de si, tempo e trabalho, em favor dos menos afortunados.

De coração, doar amor sincero ao próximo, aliviando as dores dos que circulam pelo mundo, abandonados.

Fé e resignação. Coragem e renovação dos pensamentos.

A felicidade não é deste mundo, pois a semeadura é livre, mas a colheita obrigatória.

Dr. Cruz, em 14/08/2007

 


4° Tema – Nossos Irmãos das Estrelas

Outrora confiamos nos humanos e fomos traídos

Vidência: Vejo naves de vários formatos em torno do planeta. Milhares delas.

Logo após, recebi a seguinte mensagem:

Outrora, estivemos presentes neste planeta e tivemos contato com esta humanidade.

Outrora, mantivemos relações fraternas de intercâmbio tecnológico com os terráqueos.

Outrora, confiamos na humanidade e fomos traídos. Talvez traídos por nossa percepção distorcida e pela falsa amizade dos seres da Terra.

Não possuíamos interesses escusos de dominar ou escravizar os terráqueos. Oferecemos, sinceramente, ajuda na forma de conhecimentos tecnológicos, por acreditar que o conhecimento poderia acelerar a evolução moral e espiritual da humanidade daqueles tempos.

Muitos dos nossos, envolvidos e enamorados por nativos, aqui permaneceram e ainda hoje lutam por retornarem à "Canaã Perdida", como definem o seu mundo de origem, que conscientemente, não se lembram mais.

Partimos da Terra horrorizados e envergonhados. Não supúnhamos que, de alguma forma, pudéssemos contribuir para a derrocada dos terráqueos. Hoje, temos consciência dos desvios da alma daquela humanidade, o que na época não enxergávamos.

Novamente retornamos a este lindo planeta e oferecemos ajuda voluntária. Não mais como antes, fazendo-nos visíveis. Agora, incorporados à Grande Frota Intergaláctica do Comando Maior, fazendo parte da Equipe de Resgate, com muito amor e dedicação. Como no passado longínquo, assistiremos aos humanos em suas necessidades.

Os resgatados que virão conosco serão os escolhidos, os direitistas do Cristo, não mais misturados à escoria; somente o trigo a caminho da regeneração.

Não estamos aqui apenas pelos nossos irmãos decaídos, mas por amor a esta humanidade.

Nós vos saudamos em nome do Cristo Planetário.

Aaron de Sírius, em 30/03/2007


Criação e Destruição: Faces opostas da Lei do Progresso

O campo magnético que constitui a aura da Terra expande-se na 4ª dimensão.

Para vós, cuja compreensão ainda limitada da matéria representa obstáculo no entendimento do processo de evolução planetária, podemos dizer que a Terra já lança seus raios de "Terra Renovada" em outro plano de existência.

Seu brilho irradia-se, materializando, naquela dimensão, o embrião do que será o "Novo Orbe". E, quanto mais se apagar o clarão radioso do organismo Terra, na dimensão em que se encontra agora, mais expandir-se-á na dimensão seguinte.

Que vossas mentes possam fixar-se no aspecto criador da transição planetária, mais do que no seu aspecto destruidor.

Criação e destruição são faces opostas da mesma Lei do Progresso, à qual estais submetidos e em intenso processo de realização. As ações de cada um criarão o vínculo energético capaz de ancorar vossos espíritos na face sombria ou luminosa da aura planetária.

Lot (Irmão Extraterrestre), em 10/04/2007


Tudo que existe é obra do Criador

Vidência: Vi três seres, com aparência de extraterrestres. Estavam de pé, atrás da mesa do salão, intensamente concentrados. Irradiavam do chacra cardíaco uma energia semelhante a uma chama flamejante.

Pareciam estar doando essa energia para nossa Casa Espírita. Era uma energia estrutural, um tipo utilizado na fundação de tudo que existe. Era desprendida deles e, como uma espécie de cimento, entrava na composição da egrégora da nossa Casa.

Em seguida, transmitiu-me o seguinte:

Irmãos!

Tudo o que existe é obra do Criador e, como tal, encontra-se ligado pelos fios do Pensamento de Nosso Pai.

Na medida em que progridem, os seres e os mundos deslocam-se, situando-se em diferentes planos de existência. Separa-se, desse modo, o joio do trigo, os evoluídos dos atrasados, os felizes dos infelizes e os Mestres dos discípulos.

Nenhum de vós é capaz de destacar-se através da vontade para este ou aquele nível vibratório. Vossa vontade só ganha a prerrogativa de trampolim evolutivo, na proporção em que, lapidada pela renúncia e pelo sacrifício, for colocada a serviço do bem-maior que envolve a coletividade. Só pelo trabalho em benefício do próximo é que a vontade de cada criatura pode impulsioná-la na escala do Progresso.

Portanto, se desejeis avançar, progredir como espíritos livres, ligai vossa atitude mental no desenvolvimento da Força Maior para nela haurir as energias que vos darão as condições de servir, amar e renunciar. Condições essenciais para o progresso de vossos espíritos.

Caso contrário, sereis imediatamente atraídos pela ligação existente entre todas as coisas e pela força negativa concentrada na mente da Besta do Apocalipse.

Sereis arrastados aos padrões vibratórios inferiores devido ao aprisionamento e usurpação das vossas energias.

Tudo que existe encontra-se ligado pela mente do Criador, mas deslocar-se de um plano e avançar em direção a outro, mais elevado, deve ser esforço inalienável de cada um.

Sami (Irmão Extraterrestre), em 10/04/2007


Estivemos aqui nos primórdios da criação

Sol que sempre brilha! Que brilhem vossas almas!

O Amor Universal a todos envolve.

Fomos por Ele atraídos, para estarmos como irmãos ao vosso lado, dando testemunho de que já fomos como vós. Avançamos e agora vamos à frente auxiliando como nos é permitido pelas limitações que ainda trazemos e pela vontade do Criador.

Hoje celebramos a alegria deste encontro e da permissão que recebemos para nos manifestarmos junto a vós.

Estivemos aqui nos primórdios da criação da vida neste planeta, e agora, que as criaturas que vimos nascer necessitam desligar-se deste plano primário, fomos mais uma vez convocados pelas Forças Extra-planetárias, comandadas pelo insigne Ashtar Sheram, a colaborar para o vosso progresso; e, junto aos "núcleos espiritualistas" fornecermos ensinamentos que possam auxiliar-vos na libertação da matéria.

Salve a Luz! Salve o Divino Jesus!

Namur (Irmão Extraterrestre), em 10/04/2007


Não existem barreiras para almas afins

Que a Luz do Divino Mestre Jesus vos ilumine o caminho na jornada terrena, fortalecendo vossos espíritos para o enfrentamento das duras provas de "finais de tempos".

Esta humanidade vem desrespeitando os Códigos Universais de Amor e Fraternidade, desrespeitando acintosamente as Leis Divinas. Amargos frutos colhem, sem, no entanto, se darem conta que suas próprias ações negativas estão destruindo o planeta e condenando seus espíritos a doloroso exílio, em planetas primitivos, em condições muito piores de sobrevivência que a Terra.

A falta de amor entre os humanos tem fortalecido, exageradamente, as Forças das Trevas, proporcionando maior campo de ação das nefastas criaturas, contra encarnados e desencarnados.

A Besta (a Besta do Apocalipse), cuja força não podeis avaliar, congrega esforços para destruir a Luz e dominar definitivamente o planeta e sua humanidade.

O ambiente planetário está propício a disseminação e fortalecimento do mal. Criaturas desprovidas de amor, mas de alta inteligência, têm estabelecido estratégias para provocar derramamento de sangue com fartura, por toda a Terra.

Até que cheguem as festas natalinas, muitas mortes coletivas ocorrerão, com farto sangue derramado, provocado pelas artimanhas dos Seres Trevosos.

Não é por determinismo divino que irmão mata irmão! É por rebeldia insistente dos seres, habitantes deste planeta.

Os sentimentos inferiores são cultivados. As criaturas não conseguem esquecer e perdoar as mínimas querelas com o irmão de humanidade. Usam e abusam de artimanhas obscuras para conseguirem poder e riqueza.

Humanidade tola que despreza os avisos do Alto, alertando suas consciências para a necessidade urgente, de sanearem seus sentimentos hostis, transmutando-os em virtudes sublimes que redimem as criaturas.

A Grande Fera (Besta do Apocalipse) sobe de sua morada milenar, atraída magneticamente pela aura do "Astro Intruso" e facilitada pelo ambiente astral inferior, germinado pelos seres humanos. Ambiente propício para agir destrutivamente contra as criaturas invigilantes que, servem ao Cristo no culto externo e cultuam Manon em seu íntimo.

Já é tempo de compreenderdes que não podeis servir a dois senhores ao mesmo tempo: Ou servis ao Cristo extrínseca e intrinsecamente, ou estais servindo a Besta, "representante maior" das Forças do Mal.

Muitos alertas e avisos vindes recebendo, enviados pelas Forças do Bem. Tivestes convosco o Emissário da Luz através de sacrifício que não podeis aquilatar, trazendo para vós o Código Universal de Sabedoria, roteiro Sublime de Luz, que devereis seguir para progredirdes. No entanto, deturpastes Suas Lições, crucificaste-O e continuais a ignorar-Lhe as mensagens.

O sacrifício de Jesus ainda não se findou. Ele continua velando por vós, filhos ingratos e não merecendo Seu sacrifício.

Jesus é a representação viva do Amor e o Amor tudo suporta.

Cada ovelha resgatada do mar de lama da ignomínia é alegria intensa em Seu Coração, que se enche de júbilo.

Portanto, irmãos, deixai de lado os sentimentos torpes que vindes cultivando ao longo das muitas existências vividas na carne e envidai esforços para tornar-vos um Servo de Jesus, trabalhando com o Cristo para libertar o Mundo e seus habitantes do jugo das trevas e da ignorância. Somente assim, atingireis as Portas da Nova Era, que já desponta no horizonte.

Para permanecerdes no Exército do Cristo não podeis possuir nenhum sentimento menos digno em relação ao próximo, não agir contra o planeta e nem emitir pensamentos de baixa vibração.

Perscrutai vosso íntimo e analisai vossas ações, caso não haja subterfúgios negativos, estais no caminho do progresso. Mas, ficais atentos, pois se enganais a si mesmos, não podereis enganar aos Servidores da Luz e sereis repelidos vibratoriamente das fileiras do Exército da Luz ficando a mercê das águas turbulentas das Trevas.

O mal vos rodeia, mas a Luz está em vosso íntimo, como Centelha gerada pelo Pai. Podeis ativá-la a qualquer momento que vos dispuserdes a abandonar as trincheiras da ignorância e da rebeldia.

Quando as tragédias de Final de Tempos baterem em vossa porta, que possa encontrar-vos fortalecidos pela Luz da Fé.

Morrer não é privilégio de nenhuma criatura especial, é destino natural de todos os seres vivos. Acordar, após o desenlace, como espírito liberto ou escravizado, depende somente de vossa conduta e vontade.

Jesus, o Divino amigo, vela por vós.

O Pai vos abençoe na condução correta de vossa transformação, nesta hora final de transição planetária.

Eu vos saúdo em nome da Luz.

Comandante Yury, em 18/08/2007

Nota: Antes desta comunicação nós havíamos comentado sobre a ausência de mensagens deste grande Ser. Estávamos com saudades. Ele veio e encerrou com o pensamento que se segue:

- Não existem barreiras para as almas afins. Estamos ligados pelo amor.

Comandante Yury, em 18/08/2007

 


5° Tema – Em Nome do Cristo novamente aqui estamos. Os Apóstolos de Jesus

Há facilidades de toda ordem para as criaturas tombarem

Eu vos saúdo em nome da Luz!

Desagregam-se as estruturas sociais por toda a Terra, e o uso da violência pelas Instituições Governamentais para com os desequilibrados, se avolumam em todos os setores da sociedade. Lamentáveis confrontos sangrentos entre facções inimigas, de irmãos de humanidade. As doenças multiplicam-se e a medicina não consegue debelar.

A natureza agredida impiedosamente, responde agressivamente por ver alterado o seu ciclo natural.

Gemem as criaturas atoladas na escuridão dos sofrimentos físicos e morais e em nababescos palácios ou ricas mansões outras criaturas, satisfazem seus instintos e desejos materiais, esquecidos que a dor mora ao lado.

A Luz das Revelações Crísticas brilha nas consciências de todos os seres; no entanto, abafam sua irradiação com torpes sentimentos e ilusões materialistas.

O quadro planetário é desolador, pois as religiões que deveriam consolar os aflitos, os exploram e os iludem. A falta de esperança de um porvir diferente provoca nas pessoas, reações imediatistas de saciarem suas torpes intenções e sentimentos inferiores, a fim de aproveitarem o tempo, para "serem felizes".

Redemoinhos negros assolam o planeta, partidos das regiões insondáveis dos Abismos, atraídos pelos desequilíbrios humanos.

Há facilidades de toda ordem para as criaturas tombarem vibratoriamente, comprometendo intensamente sua preciosa encarnação chave. (Última na Terra)

Os letreiros coloridos, chamam os indivíduos a saciarem seus desejos mais íntimos, e eles, por conveniência, desacreditando na sobrevivência do espírito para marcha do progresso, deixam-se conduzir pela "porta larga" das facilidades, que levam ao desequilíbrio e ao exílio.

O caos planetário é evidente e a pouca fé dos seus habitantes, que são governados por instintos animais, mantém o planeta na categoria primitiva.

Mas, finda-se este ciclo de primitivismo, onde as criaturas são materialistas, egoístas e orgulhosas.

O caos existe, é certo, é a prova final para os candidatos voluntários para a regeneração. Manter-se direitista do Cristo é prova aspérrima, mas necessária, para a coletividade planetária.

A inversão dos valores morais confunde os iludidos e de pouca fé, que são sibilosamente envolvidos por criaturas decadentes, sequiosas de prazeres ou de vingança.

Os alertas das Forças do Bem multiplicam-se e cada agrupamento humano recebe reforços dos Trabalhadores da Luz para os núcleos de direitistas.

Hordas de seres bestiais circulam entre as criaturas comuns, buscando aqueles que com eles se afinizam para usurpar-lhes as energias vitais. Horrendas criaturas trevosas encurralam encarnados decadentes.

A seleção ocorre, direitistas e esquerdistas definem-se e para tristeza dos Mestres e Guias, seus pupilos encaminham-se, novamente, ao degredo.

Jesus, o Divino Governador, trabalha com Seu Exército para socorrer, amparar e despertar o maior número de almas, mas, a grande maioria permanece ignorando Seu Chamado.

Paz convosco.

Pedro, em 21/07/2007


Por que nascem assim?

Grande contingente de espíritos embrutecidos, animalizados e cruéis, nascem diariamente em corpos deformados, em miséria extrema, sem condições de permanecerem por muito tempo no corpo físico. Todavia, o tempo suficiente para drenagem de grande parte de toxinas do corpo astral para o "mata-borrão" da matéria. E assim são reiterados os compromissos dessas almas mergulharem na carne, de acordo com o processo de descida para a matéria (reencarnação).

Outros tantos espíritos comprometidos com a Lei de Deus, achincalhados pela dor pungente por tempo demasiado nos charcos do astral inferior, são organizados em grupos por Nobres Entidades Superiores. Nascem na carne e vivem na matéria como rejeitados, ou abandonados, crianças exploradas pelos viciados e delinqüentes, também permanecendo pouco tempo encarnados.

Nestes "tempos finais", qualquer oportunidade de mergulho na matéria para drenagem tóxica do corpo astral para o físico, através da reencarnação e o esquecimento bendito dos crimes cometidos, é imediatamente aceita pelos réprobos arrependidos e desesperados do astral inferior.

Há filas intermináveis de criaturas infelizes no plano astral inferior, desejosas de mergulharem no esquecimento da carne e expurgarem uma parte de suas culpas para com o próximo, na dor pungente em si mesmos.

Também há espíritos perversos e cruéis oriundos das regiões sombrias que, malgrado sua não aceitação, são lançados compulsoriamente no mundo físico, renascendo em guetos e favelas pestilentas, expostos do nascimento a morte prematura, à violência extrema, a bandidagem, a exploração do homem pelo homem.

Nascem em meio aos vícios e crimes que semearam durante tantas existências passadas e agora são explorados ou novamente exploram, perdendo mais uma vez, prematuramente, a vida na carne.

Todos os espíritos habitantes do astral inferior mergulhados dentro de uma faixa vibratória determinada por Mentes Superiores, serão lançados à matéria em reencarnação de expurgo e redução das toxinas de seus corpos astrais, cultivadas por suas mentes vis. A grande maioria não tem condições de despertarem suas consciências para permanecerem na Nova Terra, porque, muitas vezes, a vida na matéria será tão fugaz como um sonho. Mas, constrangidos num corpo físico, impedidos de semearem a dor e fazendo a justa colheita, drenarão, incontinente, grande carga tóxica de seus espíritos delinqüentes. Renascem no orbe, por toda parte, em todas as latitudes geográficas, sem condições de escolha. São conduzidos por Mentes Superiores que lhes desejam o melhor, e desejam retirá-los do estado de estagnação nos lodos purgatoriais dos abismos.

Contribuem essas almas para o aumento da criminalidade no mundo que viveis, de "Final de Tempos". Contudo, se hoje estais encarnados neste "Inferno de Dante", em que se tornou o mundo físico nesta hora, é porque também possuis mentes culpadas para com o próximo e a Lei Maior. Todavia, se ao contrário dos delinqüentes das Leis Divinas, que compulsoriamente resgatam seus débitos, sois daqueles que já despertaram a consciência e lutam por redimir-se ante a Lei Maior, vosso destino mudará e sereis impulsionados para frente e para cima na espiral ascensional do espírito.

São muitos os pecadores que ainda dormitam na ignorância dos erros.

Poucos, nesta hora, vibram em sintonia com as Hostes do Bem, e eles são o trigo que alimentará a Nova Era.

Eu vos saúdo em nome de Jesus.

Bartolomeu (Um dos apóstolos de Jesus), em 20/04/2007

Buscamos nesta hora trabalhar com o cristo pela libertação do Planeta e de sua humanidade, da escuridão e da dor.

Jesus é a Luz que nos conduz.

Bartolomeu (Um dos apóstolos de Jesus), em 20/04/2007


Convosco Estive, Estou e Estarei

Vidência: Nos vejo na Pedra Azul e a nave do Comandante Ashtar Sheram paira sobre a Pedra. Em seguida, minha alma escuta:

Caminho entre vós e não Me sentis!

Mesmo agora, com Minhas lembranças vivas em vossas mentes, não praticais Minhas Lições. (Era véspera de Domingos de Ramos)

Irmãos Meus, somos filhos do mesmo Pai. Fazei Sua Vontade, irmãos Meus, e sedes mansos e humildes.

Amai-vos como o Pai nos ama.

Quiséramos poder reduzir-vos as dores, mas vossos passos vacilantes escolheram os caminhos pedregosos que vos ferem, esquivando-vos do caminho iluminado que mostramos.

Aproveitai o tempo que vos resta e mudai a direção dos vossos pensamentos e ações.

Lembrai-vos da Minha Presença entre vós e praticai a Lei Universal do Amor.

Convosco Estive, Estou e Estarei.

Vosso irmão

Jesus, em 31/03/2007


Estaremos sempre divulgando, através dos meios disponíveis ao nosso alcance, mais esclarecimentos a respeito de nossos Irmãos Maiores de outros planetas e do Interior da Terra. Estas informações são de domínio público e podem ser copiadas, no todo ou em parte sem prévia autorização, para distribuição gratuita e desde que não seja alterado o sentido. Fica também autorizada sua tradução para qualquer idioma, para o que solicitamos apenas o envio de uma cópia para nossos arquivos e posterior divulgação. É proibida a comercialização destas informações.

Nossas obras: Pétalas de Luz; Os Extraterrestres e Nós, Vols. I e II; Cidades Intraterrenas – O Despertar da Humanidade em conjunto com a 2ª edição de Os Intraterrestres de Stelta e Missão Submarina Extraterrestre, Os Decaídos e Sua Trajetória Terrestre, Vol. I e II e Mãos Súplices por Socorro – Nos bastidores visíveis e invisíveis dos presídios.

Leia nossas obras. Novos conhecimentos transbordam. Parar, pensar, mudar.

Endereço para assistir reunião: Rua Hermes Curry Carneiro, 215, Ilha de Santa Maria, Vitória/ES.

Dia e hora: Terças-feiras às 14h e quintas-feiras às 19:30 h.




RETORNAR ÀS MENSAGENS E DIVULGAÇÕES
ENTRE EM CONTATO CONOSCO AGORA MESMO!
Todos os direitos reservados ao Grupo Espírita Servos de Jesus | 2017
FBrandão Agência Web